Wall Street refreia ganhos enquanto não há estímulos Biden

Numa altura em que os resultados centram atenções, os investidores estão de olho no pacote de apoios prometido pelo novo presidente dos EUA. Sem avanços, as principais praças tiveram ganhos ligeiros.

As ações norte-americanas desaceleraram os ganhos ao longo da sessão desta segunda-feira, tendo fechado com valorizações ligeiras. Apesar do otimismo em relação a um eventual novo pacote de estímulos implementado pelo novo presidente dos EUA, Joe Biden, os investidores em Wall Street parecem precisar de mais pormenores para manter o rally a correr.

O S&P 500 valorizou 0,37% para 3.855,86 pontos, enquanto o Nasdaq subiu 0,71% para 13.638,82 pontos. O índice tecnológico tinha mesmo tocado máximos históricos durante a tarde. Já o Dow Jones caiu 0,11% para 30.963,21 pontos.

Os investidores esperam que a nova Administração liderada por Joe Biden consiga a aprovação de uma proposta de apoio pandémica de 1,9 biliões de dólares. Essa expectativa levou os três índices a máximos históricos na semana passada, mas o sentimento parece ser agora de espera pela concretização dos estímulos.

Estamos a tentar calibrar não só o montante, mas também o timing dos novos estímulos e, ambos, são neste momento quase impossíveis de analisar“, diz Art Hogan, chief market strategist da National Securities, em declarações à Reuters. “Se olharmos para a reação do mercado pós-eleições, parte da rampa que vimos, e muito significativa, foi já causada pelos estímulos”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street refreia ganhos enquanto não há estímulos Biden

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião