Wall Street conclui semana de volatilidade com subidas de 2%

As bolsas norte-americanas subiram quase 2% na última sessão de uma semana marcada por forte volatilidade. Os índices valorizaram no acumulado da semana, exceto o tecnológico Nasdaq.

Wall Street concluiu com fortes ganhos uma semana de alta volatilidade, marcada pela pressão vendedora no mercado da dívida soberana e por recuos expressivos nas ações do setor tecnológico. Numa sessão em que os índices chegaram a cair em torno de 1%, os mercados acionistas acabaram por acelerar e fecharam com ganhos tangentes a 2%.

O Departamento do Trabalho divulgou dados positivos sobre a recuperação do mercado laboral, apontando para a criação de 379 mil postos de trabalho em fevereiro, mais do dobro do consenso dos analistas. A taxa de desemprego recuou para 6,2%.

Neste contexto, o S&P 500 subiu 1,95%, para 3.841,94 pontos, enquanto o industrial Dow Jones avançou 1,85%, para 31.496,30 pontos e o tecnológico Nasdaq somou 1,55%, para 12.920,15 pontos. No acumulado da semana, e apesar de várias sessões de quedas significativas, o S&P 500 acabou por encerrar em terreno positivo, somando 0,80%, assim como o Dow Jones, que avançou 1,82%.

Em contrapartida, as ações tecnológicas perderam valor no acumulado semanal, com o Nasdaq a cair 2,06%. Estas empresas são avaliadas pelos investidores com base nos seus ganhos futuros, mas os mercados estão a antecipar forte inflação no segundo semestre, por causa da recuperação da economia, o que torna estes títulos menos apetecíveis.

O receio em torno da inflação tem condicionado as negociações nas últimas semanas. Apesar de o presidente da Fed ter assegurado não ser provável ter de subir os juros ainda este ano, continuando comprometido com a política monetária de juros baixos, as taxas no mercado secundário de dívida soberana voltaram a subir.

As obrigações do Tesouro dos EUA a 10 anos avançam 2,3 pontos base, para 1,573%, em máximos desde janeiro de 2020, antes mesmo da pandemia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street conclui semana de volatilidade com subidas de 2%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião