Nos dispara mais de 7% após resultados. PSI-20 tem maior ciclo de ganhos desde final de 2020

O principal índice nacional está a subir pela quinta sessão consecutiva. Entre as cotadas, o destaque vai para a Nos que sobe mais de 7% após ter apresentado os resultados de 2020.

O PSI-20 está a valorizar 1,29% para os 4.824,86 pontos no início da sessão desta quinta-feira, acumulando cinco dias consecutivos em alta. É o maior ciclo de ganhos do principal índice nacional desde o final de 2020. Apesar destas subidas, o PSI-20 está apenas em máximos de cerca de um mês, recuperando das perdas registadas no início de março.

A tendência positiva é geral na Europa. O Stoxx 600, o índice que agrega as 600 principais cotadas europeias, valoriza 0,3% neste início de sessão. O britânico FTSE sobe 0,3%, o alemão DAX avança 0,1%, o espanhol IBEX ganha 0,5% e o francês CAC soma 0,2%.

As ações europeias estão a ser contagiadas pelo tom positivo da negociação na Ásia, com as ações asiáticas a prolongarem a recuperação de um mínimo de dois meses atingindo recentemente. Nos EUA, a sessão desta quarta-feira também foi marcada por subidas num momento em que os receios relativamente à inflação acalmaram.

Em Lisboa, apenas uma cotada, a Ibersol, está a desvalorizar e duas (Novabase e Pharol) estão inalteradas. Todas as restantes estão a subir com o destaque para a Nos: as ações sobem 7,61% para os 3,05 euros, após a empresa de telecomunicações ter divulgado esta quarta-feira os resultados depois do fecho do PSI-20.

A Nos viu os lucros caírem quase 36% em 2020, para 92 milhões de euros, mas a administração liderada por Miguel Almeida decidiu manter o dividendo em 27,8 cêntimos por ação. Em 2019, a Nos tinha registado lucros de 143,5 milhões de euros, uma subida de mais de 4% face ao ano anterior, tendo distribuído a totalidade aos acionistas.

Nas subidas, nota para a EDP Renováveis que avança 1,61% para os 17,6 euros e para a EDP que valoriza 1,25% para os 4,77 euros. Com subidas superiores a 1% está também a Sonae SGPS e a Navigator.

A meio da manhã, a subida da EDP Renováveis ganhou tração: as ações estão a subir 3,81% para os 18 euros. O mesmo aconteceu com os CTT que valorizam 3,15% para os 2,62 euros. Às 10h30, o PSI-20 estava a valorizar 1,76% para os 4.847,62 pontos.

De referir ainda a subida de 1,5% do petróleo em Londres (brent), a valorização de 0,7% do ouro e a descida de 3% da bitcoin, após ter estado perto do máximo histórico na sessão anterior.

(Notícia atualizada às 10h30 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nos dispara mais de 7% após resultados. PSI-20 tem maior ciclo de ganhos desde final de 2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião