Nos valoriza mais de 4% depois de resultados trimestrais. Lisboa em alta

Lisboa arrancou a terceira sessão desta semana no verde, com a Nos a protagonizar os ganhos mais expressivos. Também o BCP está a dar ânimo à bolsa nacional, subindo mais de 2%.

A praça lisboeta inicia a sessão desta quarta-feira acima da linha de água. A Nos está a protagonizar os maiores ganhos, valorizando mais de 4%, depois de ter apresentado os seus resultados trimestrais. Também o BCP está a puxar pela bolsa nacional, somando mais de 2%.

Nos primeiros três meses de 2021, a Nos passou de prejuízos a lucros, tendo ganho 30,5 milhões de euros. Estes resultados foram apresentados na terça-feira e estão a animar esta manhã os mercados. Assim, os títulos da operadora valorizam agora 4,43% para 3,066 euros e ajudam a puxar Lisboa para o verde.

Também a dar gás à praça nacional estão as ações do BCP, que somam 2,89% para 0,1459 euros. Isto apesar do polaco Bank Millennium — que é detido maioritariamente pelo português BCP — ter anunciado prejuízos de 68,6 milhões de euros, no primeiro trimestre de 2021. Os títulos do BCP beneficiam, assim, da revisão da recomendação do Mediobanca, que passou de neutral para outperform.

Destaque ainda para a energia, com as ações da EDP Renováveis a subirem 0,84% para 18,10 euros e as da EDP a valorizarem 0,14% para 4,387 euros. No mesmo setor, mas no vermelho, os títulos da Galp Energia recuam 0,48% para 9,992 euros.

Em terreno negativo, está também a Mota-Engil, cujos títulos perdem agora 1,35% para 1,4570 euros e protagonizam as perdas mais expressivas. Também abaixo da linha de água estão as ações da Altri, que descem 0,99% para 6,485 euros.

Tudo somado, o índice de referência no mercado nacional, o PSI-20, está a valorizar 0,6% para 5.113,64 pontos. Lisboa está, assim, em linha com as demais praças europeias. O Stoxx 600 avança 0,15% para 437,37 pontos, o alemão Dax sobe 0,12% para 15.137,21 pontos e o britânico FTSE 100 soma 0,68% para 6.995,34 pontos. A contrariar, o francês CAC 40 recua 0,015% para 6.266,46 pontos e o espanhol Ibex perde 0,042% para 8.983,40 pontos.

(Notícia atualizada às 8h42)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nos valoriza mais de 4% depois de resultados trimestrais. Lisboa em alta

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião