PwC prevê contratar 500 colaboradores já em 2022 em Portugal

Recrutamento integra o plano global da consultora para contratar 100 mil pessoas nos próximos cinco anos, no qual conta investir 12 mil milhões de dólares em recrutamento, formação e tecnologia.

A PwC vai contratar cerca de 500 colaboradores em Portugal já no próximo ano, adiantou fonte oficial da consultora à Pessoas. A decisão surge no âmbito do mega processo de recrutamento de 100 mil pessoas que a companhia vai levar a cabo nos próximos cinco anos e no qual deverá investir 12 mil milhões de dólares (cerca de 9,9 mil milhões de euros) em contratações, formação e tecnologia.

“Pretendemos recrutar no próximo ano cerca de 500 colaboradores”, diz fonte oficial da empresa à Pessoas, sem adiantar um número no horizonte mais alargado dos próximos cinco anos, nem em contratações previstas, nem de investimento que será alocado a este projeto.

A empresa, que faz parte das “big four”, irá com este processo de recrutamento aumentar o número global de funcionários em mais de um terço, elevando para cerca de 400 mil o número de colaboradores. A PwC tem hoje 284 mil trabalhadores em todo o mundo, resultante das contratações feitas nos últimos cinco anos.

Em Portugal, Angola e Cabo Verde, a consultora tem cerca de 1600 colaboradores, distribuídos pelos escritórios de Lisboa, Porto, Praia e Luanda.

Este novo processo de recrutamento integra o plano da consultora para investir 9,9 mil milhões de euros em recrutamento, formação e tecnologia, de acordo com o Financial Times (acesso condicionado, conteúdo em inglês).

Três mil milhões de dólares serão alocados ao negócio da Ásia-Pacífico, que até junho do ano passado tinha gerado receitas de 6,4 mil milhões de dólares.

O objetivo é chegar a um mercado crescente de aconselhamento nas áreas ligadas ao ambiente, questões sociais e governação.

(Notícia atualizada às 11h48 com informação sobre número de colaboradores em Portugal, Angola e Cabo Verde)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

PwC prevê contratar 500 colaboradores já em 2022 em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião