Portugal “muito dificilmente” segue para nova fase do desconfinamento a 28 de junho

A ministra Mariana Vieira da Silva avisou que "muito dificilmente" o país avança no desconfinamento na próxima semana, a 28 de junho.

A ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, sinalizou aos portugueses que “muito dificilmente” o país terá condições para avançar para a nova fase de desconfinamento que estava prevista para 28 de junho. “Ao longo da última semana, a situação epidemiológica tem-se vindo a deteriorar”, alertou a governante.

No início do mês, o Governo criou duas novas fases no plano de controlo da pandemia. A 28 de junho estava previsto que os transportes públicos pudessem voltar a funcionar sem restrição de lotação e a reabertura das lojas de cidadão sem marcação prévia, por exemplo. Um cenário que não se deverá verificar.

“Semanalmente, fazemos aqui a avaliação da situação a nível nacional. E ela hoje afasta-se claramente da zona verde [da matriz de risco], o que significa que, para a semana, quando estava prevista uma nova fase de desconfinamento, ela muito dificilmente, a continuarem estes números, se irá verificar”, disse Mariana Vieira da Silva, na conferência de imprensa após o Conselho de Ministros.

O agravamento da pandemia em Portugal levou o Governo a proibir a circulação de cidadãos de e para a Área Metropolitana de Lisboa aos fins de semana, a começar já a partir desta sexta-feira, pelas 15h00, e a durar até às 6h00 de segunda-feira. As exceções serão as mesmas que estiveram em vigor noutros momentos da pandemia no passado. O Governo considera que a medida é importante para evitar que a Covid-19 se propague muito para fora da Grande Lisboa.

Além disso, o Executivo deixou 20 concelhos em alerta, que estão em risco de recuar no desconfinamento. Muitos deles são na região de Lisboa e estão na fase que entrou em vigor a 14 de junho.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal “muito dificilmente” segue para nova fase do desconfinamento a 28 de junho

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião