Wall Street no vermelho à espera das minutas da Fed

Os investidores aguardam pelos sinais que as minutas da última reunião da Reserva Federal deverão dar sobre o futuro da política monetária nos EUA.

Wall Street está em “terreno” negativo, com a exceção do Nasdaq, enquanto os investidores aguardam pela divulgação das minutas da última reunião da Reserva Federal norte-americana. Os dados económicos da China e dos EUA, que falharam as expectativas, têm vindo a prejudicar a negociação esta semana.

O Dow Jones desvaloriza 0,38% para os 35.207,8 pontos e o S&P 500 perde 0,19% para os 4.439,81 pontos. Esta terça-feira o S&P 500 — que segunda-feira atingiu o dobro dos pontos do mínimo alcançado no início da pandemia — teve a sua pior sessão em um mês por causa da queda das vendas no retalho, a qual foi maior do que se esperava.

Já o Nasdaq segura-se com uma pequena valorização: o índice tecnológico avança 0,04% para os 14.662,57 pontos. Entre as cotadas, as tecnológicas estão a beneficiar deste sentimento negativo dos mercados ao passo que os setores bancário e industrial descem ligeiramente.

As sessões de agosto têm sido mais voláteis não só por causa da desaceleração da economia e da variante Delta, mas também por causa do menor volume de negociação explicado pelo período de férias.

O foco está agora nas minutas da última reunião da Reserva Federal que vão ser divulgadas a meio da sessão desta quarta-feira. Os investidores aguardam por sinais depois de o presidente da Fed de Boston, Eric Rosengren, ter dito que mais um mês de dados fortes no mercado de trabalho pode satisfazer os requisitos do banco central para começar a redução das compras mensais de ativos que iniciou por causa do impacto da pandemia.

A expectativa dos analistas é que a Fed anuncie um plano para reduzir gradualmente a compra de ativos na próxima reunião de 21 e 22 de setembro.

Numa videoconferência com professores e estudantes realizada esta terça-feira nos EUA, Jerome Powell disse que a economia norte-americana mudou com a Covid-19: “Nós não vamos voltar à economia que tínhamos antes da pandemia, (…) precisamos de observar cuidadosamente a forma como a economia evolui através da pandemia, procurar entender como mudou e quais as implicações para a nossa política”, explicou o presidente da Fed.

Após o final da sessão, a corretora digital Robinhood, a fabricante de chips Nvidia, a Cisco, a Victoria’s Secret e a Bath & Body vão divulgar resultados.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street no vermelho à espera das minutas da Fed

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião