Energia e tecnológicas impulsionam Wall Street. Nasdaq de novo em máximos

Perspetivas de um acelerar da taxa de vacina animam as expectativas quanto a uma recuperação da economia. Tecnológicas brilham e levam Nasdaq a atingir recorde.

As bolsas norte-americanas prolongam os ganhos sentidos na última sessão, com o índice tecnológico Nasdaq a atingir de novo máximos. Progressos com a vacinação animam os investidores, nomeadamente depois de as autoridades de saúde darem a aprovação final à vacina da Pfizer contra a Covid-19.

A Food and Drug Administration anunciou esta segunda-feira que deu “luz verde” incondicional à vacina da Pfizer. “Considerando o recente aumento de casos e alguns dos dados económicos dececionantes, este é mais um passo na direção certa e ajuda a dar confiança àqueles que ainda podem estar a resistir receber a vacina”, apontou Ryan Detrick, da LPL Financial, citado pela CNBC.

Os investidores estão também de olho no simpósio de Jackson Hole no final desta semana, um evento que pode dar pistas sobre os planos da Reserva Federal para reduzir os estímulos.

Nesta terça-feira, o industrial Dow Jones sobe 0,13%, para os 35.382,72 pontos, e o S&P 500 avança 0,11% para os 4.484,4 pontos. Já o tecnológico Nasdaq valoriza 0,24% para os 14.978,142 pontos, tendo atingido um máximo histórico.

As cotadas do setor tecnológico estão assim em destaque nesta sessão. O Facebook avança 0,15% para os 363,88 dólares, a Amazon ganha 0,70% para os 3.288,61 dólares e a Alphabet, dona da Google, sobe 0,51% para os 2.836,35 dólares.

Nota também para o setor da energia, numa altura em que os preços do petróleo continuam a subir. A Chevron valoriza 1,42% para os 98,12 dólares e a Exxon Mobil soma 1,14% para os 55,54 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Energia e tecnológicas impulsionam Wall Street. Nasdaq de novo em máximos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião