Gasolineiras em Portugal e Espanha perderam um quarto do negócio em 2020

  • Lusa
  • 16 Setembro 2021

Estudo revela que as receitas das estações de serviços de Portugal e Espanha totalizaram os 28.581 milhões de euros em 2020, o que representa um recuo de 24,9% face ao período homólogo.

As estações de serviço em Portugal e Espanha perderam um quarto do negócio em 2020, registando um recuo homólogo de 24,9% nas receitas, para 28.581 milhões de euros, revela um estudo da Informa D&B divulgado esta quinta-feira.

De acordo com as conclusões do trabalho, “a queda no consumo e a descida dos preços do gasóleo e gasolina provocou uma queda nas receitas das estações de serviço em 2020, que totalizaram 28.581 milhões de euros no conjunto do mercado ibérico, menos 24,9% que em 2019”.

No ano passado, o volume total de gasolina e gasóleo vendido em Portugal e Espanha foi de 34,6 milhões de toneladas, o que representa uma quebra de 15,3% face a 2019.

As vendas em Portugal foram de 5,26 milhões de toneladas, a que corresponde uma queda de 13,3%, enquanto em Espanha se venderam 29,34 milhões de toneladas, 15,7% abaixo do valor de 2019.

Segundo a Informa D&B, os dados de 2021 “mostram uma recuperação significativa da procura e dos preços, num contexto de relançamento da economia, aumento da mobilidade e do turismo e crescimento do transporte de mercadorias”, mas o volume de negócios deverá ainda ficar “aquém do valor registado em 2019”.

Os dados do estudo setorial “Estações de Serviço – Mercado Ibérico” apontam que em dezembro de 2020 existiam cerca de 14.000 estações de serviço em atividade no conjunto do mercado ibérico, mais 0,4% do que em 2019, mantendo-se a tendência de crescimento moderado observada em 2018 e 2019.

Nessa data, em Portugal, o número de estações de serviço aumentou 0,4%, para 2.860, e em Espanha havia 11.076 estações (+0,5%).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Gasolineiras em Portugal e Espanha perderam um quarto do negócio em 2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião