Catarina Graça é a nova diretora de recursos humanos da Claranet Portugal

A profissional assume a liderança dos RH num período de grande crescimento da empresa, que já conta com mais de 800 profissionais.

Catarina Graça é a diretora de recursos humanos da Claranet Portugal.

Catarina Graça vai passar a desempenhar funções de diretora de recursos humanos da Claranet Portugal, fornecedor de tecnologias de informação e especialista em soluções de cloud, security e workplace. A profissional assume o cargo num período de grande crescimento da empresa, que conta com mais de 800 profissionais.

“Com uma experiência de mais de uma década na área dos RH, Catarina Graça transita do Grupo SIBS — onde desempenhava funções semelhantes –, registando ainda passagens por empresas do setor do grande consumo como a Sumol+Compal e a Danone”, lê-se em comunicado.

A nova diretora de recursos humanos da Claranet iniciou a sua carreira na área das tecnologias da informação como software developer e product manager na Neurónio, assumindo depois a responsabilidade pela área de desenvolvimento organizacional de RH na Altran.

Catarina Graça possui uma licenciatura em engenharia da linguagem e do conhecimento pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, contando com uma pós-graduação em comunicação organizacional pela Universidade Católica.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Catarina Graça é a nova diretora de recursos humanos da Claranet Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião