Dívida pública desce para 131,4% do PIB no terceiro trimestre

Dívida pública desceu para 131,4% do PIB no terceiro trimestre do ano.

A dívida pública portuguesa desceu 2,1 mil mil milhões de euros para 271,5 mil milhões de euros, na ótica de Maastricht (a que interessa a Bruxelas), fixando-se agora em 131,4% do Produto Interno Bruto (PIB). Uma redução de quatro pontos percentuais face ao final do trimestre anterior.

Esta é a terceira descida mensal consecutiva depois do pico atingido em junho — 277,5 mil milhões de euros. “Esta redução refletiu, essencialmente, a amortização de títulos de dívida no valor de 2,0 mil milhões de euros”, explica o Banco de Portugal.

Dívida desce há três meses consecutivos

Dívida bruta na ótica de Maastricht; Dívida líquida na ótica de Maastricht. Fonte: Banco de Portugal

A dívida pública apresentou uma tendência progressiva de subida desde o início da pandemia, já que o Governo foi chamado a lançar apoios massivos para mitigar o impacto na economia, nomeadamente através do lay-off, apoios à retoma ou as linhas de crédito com garantia pública. Mas, com o sucesso do programa de vacinação e a pandemia aparentemente mais controlada tem permitido o desconfinamento das pessoas e da economia e uma retira de alguns dos apoios lançados.

De sublinhar que a dívida pública caiu apesar do reforço da chamada almofada financeira. Os dados do Banco de Portugal revelam que os depósitos das administrações públicas aumentaram 0,5 mil milhões de euros. Ou seja, “deduzida desses depósitos, a dívida pública diminuiu diminuiu 2,6 mil milhões de euros, para 249,0 mil milhões de euros”, revela o banco central. Já em agosto também houve um reforço desta almofada financeira, mas de maior magnitude (2,2 mil milhões de euros).

(Notícia atualizada com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Dívida pública desce para 131,4% do PIB no terceiro trimestre

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião