Farmacêutica norte-americana instala centro de serviços em Lisboa. Quer contratar cerca de 30 pessoas até fevereiro

Numa primeira fase, a farmacêutica pretende recrutar entre 25 a 30 novos colaboradores para o seu novo centro de serviços partilhados, em Lisboa. Em 2023, o centro deverá empregar 200 profissionais.

A Organon vai instalar em Lisboa novo global shared services center (GSS) responsável por fornecer serviços globais de apoio à operação da farmacêutica norte-americana à escala global, incluindo finanças, recursos humanos e procurement. O novo centro abrirá em meados de 2022 e espera-se que esteja totalmente operacional em 2023. Até fevereiro, a Organon espera ter já contratado entre 25 a 30 pessoas, sabe a Pessoas. Ao todo, o centro irá empregar cerca de 200 colaboradores.

A expectativa é contratarmos entre 25 a 30 pessoas até fevereiro do próximo ano. Os profissionais que pretendemos recrutar nesta primeira correspondem a perfis mais técnicos, orientados para SAP“, detalha fonte oficial da Organon.

Uma vez em total funcionamento, em 2023, o centro global de serviços partilhados irá empregar aproximadamente 200 profissionais, que desempenharão serviços para mais de 50 países em todo o mundo, em diversas línguas.

“Lisboa oferece uma força de trabalho altamente qualificada composta por profissionais locais e internacionais e suportados por universidades de referência. Este centro irá contribuir grandemente para que a Organon consolide e transforme importantes funções, otimizando a operação de suporte e apoiando a missão da Organon de entregar medicamentos e soluções terapêuticas verdadeiramente impactantes”, afirma Vittorio Nisita, head of global business services da Organon, citado em comunicado.

A decisão de localizar o centro de serviços partilhados em Lisboa reforça o compromisso da empresa com o país. Com atualmente cerca de 60 colaboradores em Portugal, a empresa de saúde global — que surgiu de uma operação spin-off da MSD concluída em junho de 2021 — poderá contar com mais de 250 pessoas em território nacional, graças à abertura do global shared services center.

Já a nível global, a Organon conta com aproximadamente 9.000 colaboradores e sede em Jersey City, New Jersey, Estados Unidos.

A publicação das posições em aberto já iniciou. Os interessados podem procurar as vagas através dos canais habituais, LinkedIn e site global da Organon.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Farmacêutica norte-americana instala centro de serviços em Lisboa. Quer contratar cerca de 30 pessoas até fevereiro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião