Óculos inteligentes, realidade aumentada e 5G revolucionam fábrica da Sumol+Compal

Soluções com base na nova geração móvel permitem melhorar rendimento das linhas de produção e acelerar intervenções técnicas. Rede começou a ser implementada em março.

A máquina que embala packs de sumos de três unidades, como os que encontramos nos supermercados, pára subitamente. De imediato, o técnico coloca uns smart glasses que permitem ao colega da manutenção ver, à distância e em tempo real, o mesmo que o colega está a ver. Vai-lhe dando indicações sobre onde clicar no painel da máquina, com indicações a amarelo. Círculos e setas em realidade aumentada surgem no campo de visão indicando ao técnico o que tem de verificar, que portas abrir e em que peças mexer. Há um tubo solto que é recolocado no seu lugar. “Problema corrigido”, gritam no fim.

Foi um mero exercício da aplicação da quinta geração móvel na unidade fabril da Sumol+Compal em Almeirim, a primeira fábrica 5G do país, mas podia ser real. E o técnico de manutenção que estava noutro local dentro da fábrica, podia estar a milhares de quilómetros de distância ou mesmo noutro país.

Tratar informação em tempo real, agir com celeridade na correção de estrangulamentos nas linhas de produção ou ter acesso a manuais de manutenção e guias interativos em realidade aumentada são algumas das novas possibilidades à disposição de quem trabalha nos 70.000 m2 da fábrica da Sumol+Compal em Almeirim, onde são processadas anualmente cerca de 25 mil toneladas de fruta. Tudo graças à rede de quinta geração que desde março tem vindo a ser implementada nesta unidade, numa parceria com a Nos.

Fábrica da Sumol + Compal é a 1ª fábrica 5G em Portugal - 10NOV21
Técnico a utilizar realidade aumentada, através da rede 5G, na fábrica da Sumol+Compal em Almeirim.Hugo Amaral/ECO

Com a implementação desta tecnologia “abre-se um novo ciclo nesta unidade industrial”, afirma Duarte Pinto, CEO da Sumol+Compal. “Vamos introduzir mais tecnologia nas nossas operações para que a Sumol+Compal se afirme como uma empresa de vanguarda e desenvolver e potenciar a indústria 4.0”.

Mais à frente na visita, outra demonstração. Um técnico equipado com smart glasses tem a palma da mão virada para si e com a outra tecla num painel virtual à sua frente. Pontos de manutenção aparecem no seu campo de visão em realidade aumentada, dizendo-lhe o que tem de verificar. Em cada um desses pontos pode indicar se está tudo “ok” ou “not ok”. A informação é comunicada para os sistemas de informação da fábrica, tudo sem papel, num processo mais rápido e fiável.

Jaime Alves Cardoso, administrador da Sumol+Compal, “vê ganhos de eficiência nas linhas” e um “imenso potencial” na aplicação do 5G. “Vai massificar a conectividade e vai-nos permitir ganhar um conjunto de desenvolvimentos que não se restringem ao campo industrial e podem migrar para uma interligação de toda a cadeia logística, garantindo uma forma mais dinâmica de gerir esta cadeia, que em todo o mundo está tão desbalanceada”. “Sabemos que a tecnologia 5G vem transformar as regras do jogo”, sublinhou.

A Sumol+Compal implementou o Nos Augmented Worker e o Nos Remote Support, que funcionam ambos com smart glasses, capazes de projetar informação, ligados a smartphones 5G. A primeira solução disponibiliza aos técnicos manuais de procedimento e guias interativos em realidade aumentada. A segunda permite obter suporte remoto de especialistas, com anotações de realidade aumentada em tempo real.

“Poucas coisas nos dariam mais satisfação do que ter este marco e poder fazê-lo tão bem acompanhados. O meu agradecimento por esta oportunidade única de fazer este projeto com a Sumol+Compal”, afirmou Manuel Ramalho Eanes, administrador executivo da Nos.

“Não é um projeto 5G, é um caso real de 5G, com duas aplicações, suporte remoto e realidade aumentada para melhorar a manutenção preditiva. Em breve permitirá monitorizar em tempo real todo o processo produtivo”, salientou o responsável da operadora. “Acreditamos que este conjunto de aplicações que o 5G permite será o caminho para a indústria portuguesa melhorar a sua eficiência, produtividade e competitividade”, acrescentou.

Fábrica da Sumol + Compal é a 1ª fábrica 5G em Portugal - 10NOV21
Jaime Alves Cardoso, administrador da Sumol+Compal, Manuel Ramalho Eanes, administrador da Nos e Duarte Pinto, CEO da Sumol+Compal seguram uma placa com a indicação da primeira fábrica 5G.Hugo Amaral/ECO

A Sumol+Compal tem em curso um projeto de Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês), com a instalação de sensores que permitirão uma monitorização constante dos indicadores de performance das linhas de produção. O 5G será estendido também à fábrica de Pombal e às fábricas de águas do grupo, no prazo de “dois anos a dois anos e meio”, apontou Jaime Alves Cardoso. Questionado sobre o valor do investimento na quinta geração móvel, o administrador não quis indicar um valor. Quanto aos benefícios, afirma que “é fácil atingir crescimentos de 10% na eficiência”.

Manuel Ramalho Eanes acrescenta que os estudos apontam que os ganhos de eficiência podem chegar aos 20% e 30%. “Nos momentos seguintes com os modelos corretos de inteligência artificial conseguiremos prever os problemas e atuar antecipadamente”, exemplifica. A operadora está a trabalhar com outras empresas neste domínio. “As soluções que estamos a desenvolver podem ser usados noutros setores da indústria, no retalho ou na saúde”.

A Sumol+Compal inaugurou em outubro um novo armazém automático, também em Almeirim, num investimento de 15 milhões de euros, que permitiu duplicar a capacidade de armazenagem no centro logístico para 12.000 m2 e aumentar a rapidez de expedição. A nova infraestrutura insere-se no plano de investimento de 45 milhões de euros previsto para o período 2019-2022.

A automação é bem visível no enorme chão de fábrica da unidade de Almeirim, onde as máquinas e linhas de enchimento trabalham com um pessoal muito reduzido. Com a adoção de novas tecnologias vem também a necessidade de formação e contratação de recursos qualificados. “Estamos a semear hoje para colher melhores colheitas mais à frente”, remata o CEO da Sumol+Compal.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Óculos inteligentes, realidade aumentada e 5G revolucionam fábrica da Sumol+Compal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião