Wedoit instala hub tech em Portugal. Tem dez vagas, mas objetivo é aumentar “brevemente” equipa nacional

As vagas destinam-se a profissionais especializados, experientes e certificados em tecnologias dos principais fabricantes de infraestruturas. Mas há também oportunidades para profissionais de vendas.

A Wedoit vai criar um hub tecnológico em Portugal, que irá endereçar não só projetos nacionais, mas também suportar a estratégia de expansão da empresa com sede no Brasil para a Europa. Para já, está prevista a contratação de dez profissionais, mas o objetivo é aumentar a equipa portuguesa.

“A Wedoit prevê contratar para já cerca de dez profissionais, mas o nosso objetivo é aumentar este número muito brevemente. Não entrámos em Portugal com contratos grandes nas mãos. Vamos explorar o mercado nacional e europeu de uma forma sólida e gradual para criarmos raízes fortes. No Brasil temos dois anos de atividade e uma rede com mais de 150 profissionais, mas acreditamos que o mercado europeu é mais maduro nesta área da tecnologia e tem bastante mais oportunidades. O nosso objetivo é conquistar grandes projetos na Europa, mas recorrer sempre talento português, independentemente do país em questão”, adianta Felippe Siqueira, cofundador e CEO da Wedoit à Pessoas.

Admitindo que a empresa tem atualmente uma equipa de técnicos “muito experimente”, o líder da Wedoit diz que pretende, agora, reforçá-la “com a contratação de talento tecnológico português altamente qualificado, com conhecimento, certificações e experiência em infraestrutura de TI dos grandes fabricantes, quer a nível de software como de hardware”.

Em causa estão profissionais especializados, experientes e certificados em tecnologias dos principais fabricantes de infraestruturas, como CISCO, DELL/EMC, HPE, Huawei, VMware, Veeam, entre outros. Mas, além dos profissionais de TI, a empresa pretende também recrutar profissionais de vendas que tenham “experiência de infraestrutura de TI, tanto ao nível dos integradores, como dos distribuidores e fabricantes”.

A escolha de Portugal para instalar o hub justifica-se precisamente pela qualidade do talento tecnológico nacional, mas também pelo próprio ecossistema de inovação do país.

“Portugal é um polo de atração de investimento atualmente. Tem um ecossistema robusto para apoiar as startups, oferece vários benefícios às empresas de tecnologia que quiserem investir em Portugal, é uma importante porta de entrada para outros países do mercado europeu, tem um mercado maduro a nível tecnológico e um foco muito grande na inovação”, comenta Felippe Siqueira.

O nosso objetivo é conquistar grandes projetos na Europa, mas recorrer sempre talento português, independentemente do país em questão.

Felippe Siqueira

Cofundador e CEO da Wedoit

“Para além de tudo isto tem talento tecnológico altamente qualificado, o que para nós, que operamos num setor muito crítico e exigente, é uma grande mais-valia. Por isso é que na nossa estratégia europeia queremos ao nosso lado uma equipa portuguesa, especializada e de alta qualidade”, acrescenta, salientando ainda que a maioria dos profissionais portugueses é fluente em inglês ou espanhol.

A Wedoit quer replicar em Portugal o modelo de negócios que possui noutros países, como o Brasil e Canadá, e ainda criar a estrutura que irá abrir as portas do mercado europeu.

“Inicialmente vamos focar a nossa atenção em Portugal. Sabemos que é uma longa jornada, mas queremos aos poucos construir uma relação sólida e de confiança com os clientes portugueses. Depois queremos levar a Wedoit para outros mercados europeus onde a falta de mão obra qualificada em infraestruturas de TI é uma realidade”, detalha. Países como Inglaterra, Holanda, Espanha, Itália, França e Alemanha estão na lista de prioridades da empresa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wedoit instala hub tech em Portugal. Tem dez vagas, mas objetivo é aumentar “brevemente” equipa nacional

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião