LPDH-Civitas lança prémio de investigação em direitos humanos. Candidaturas estão abertas

O trabalho vencedor, que será anunciado até 10 de dezembro de 2022, vai receber um prémio de cinco mil euros.

A Liga Portuguesa dos Direitos Humanos – Civitas (LPDH-Civitas) lançou o prémio de investigação em direitos humanos, com o objetivo de distinguir o trabalho mais original e inédito, subordinados ao tema “Os direitos humanos e as aplicações tecnológicas de inteligência artificial” ou a subtemas incluídos nesta temática. As candidaturas estão abertas até 30 de junho de 2022.

“É com um enorme orgulho que assistimos a uma instituição como a Liga a festejar o seu 100.º aniversário. A Liga possui cem anos de história, mas procura olhar para os cem anos futuros e é com base neste pressuposto que lançamos este ‘Prémio de Investigação em Direitos Humanos’ com uma ligação direta às novas tecnologias e as suas implicações nas pessoas”, afirma Vitor Graça, presidente da Liga Portuguesa dos Direitos Humanos, em comunicado.

A este prémio, criado no âmbito da celebração do 100.º aniversário da Liga, podem concorrer pessoas individuais ou coletivas, integradas em instituições de investigação portuguesas ou que sejam desenvolvidos particularmente por individualidades baseadas em Portugal.

O trabalho vencedor será anunciado até 10 de dezembro de 2022, no dia internacional dos Direitos Humanos, e receberá um prémio de cinco mil euros. O júri será constituído por um conjunto de reputados/as investigadores/as, especialistas em várias áreas científicas e de humanidades e presidido por um delegado da LPDH-Civitas, que será revelado após a data final para submissão de trabalhos.

As candidaturas estão abertas até 30 de junho de 2022 e devem ser enviadas através de correio eletrónico (liga@direitoshumanos.pt).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

LPDH-Civitas lança prémio de investigação em direitos humanos. Candidaturas estão abertas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião