CEO da Iberdrola vai a tribunal em alegado caso de espionagem

  • Filipe Maria
  • 18 Janeiro 2022

Sanchez Galan prestou depoimento no Supremo Tribunal de Espanha, à porta fechada, por alegadamente contratar o ex-chefe da polícia José Manuel Villarejo para espiar Florentino Perez do Real Madrid.

O CEO da Iberdrola, Ignacio Sanchez Galan, compareceu ao Supremo Tribunal espanhol esta terça-feira como parte de uma investigação a um alegado caso de espionagem num caso com mais de 15 anos, avançou a Reuters (acesso condicionado, e conteúdo em inglês).

Em causa está a contratação pela Iberdrola do ex-chefe da polícia José Manuel Villarejo, à frente da empresa de serviços de inteligência Cenyt. A empresa energética está a ser investigada por alegadamente contratar Villarejo para espiar Florentino Perez, o presidente do clube de futebol Real Madrid, que em 2009, e através da sua construtora ACS, tentou ter um lugar no conselho da Iberdrola.

Sanzhez Galan prestou depoimento em audiência à porta fechada, e está sob investigação por alegado suborno, violação de privacidade e fraude de documentos comerciais.

“Ficamos satisfeitos por ter a oportunidade de abordar diretamente a investigação esta semana, e continuamos a rejeitar quaisquer alegações de irregularidades em relação à contratação da Cenyt”, respondeu um porta-voz da Iberdrola, acrescentando que a empresa agiu “com total transparência”.

A investigação faz parte de um amplo inquérito às atividades de Villarejo, sendo que as suas ações no banco BBVA ainda estão a ser averiguadas, ao passo que as investigações à Repsol e Caixabank foram encerradas no ano passado.

O Supremo Tribunal espanhol está ainda a verificar se a Iberdrola contratou Villarejo para afastar a oposição a um reator nuclear no sul de Espanha, e obter informação sobre Manuel Pizarro, antigo chairman da Endesa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CEO da Iberdrola vai a tribunal em alegado caso de espionagem

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião