Fusões e aquisições aceleram 30% em 2021 e movimentam 19,2 mil milhões

  • Lusa
  • 18 Janeiro 2022

Setores da tecnologia e imobiliário foram os setores mais ativos, com 109 e 62 operações, de acordo com a plataforma TTR. Sonae MC protagonizou um dos negócios do ano.

O mercado de fusões e aquisições português registou 553 transações no valor de 19.200 milhões de euros em 2021, mais 31% das operações e 2% do capital mobilizado que em 2020, anunciou a plataforma Transactional Track Record (TTR).

Num comunicado divulgado esta terça-feira, a plataforma tecnológico-financeira TTR precisa que os setores da tecnologia e imobiliário foram os setores mais ativos, com 109 e 62 operações, respetivamente, e que no quarto trimestre foram registadas 142 fusões e aquisições, entre anunciadas e encerradas, no valor total de 3.200 milhões de euros.

O capital mobilizado por empresas norte-americanas em Portugal aumentou para 1.500 milhões de euros em 2021, mais 193% do que no ano anterior, adianta a TTR.

Em relação ao número de transações, Espanha foi o país que mais investiu em Portugal, com 63 operações, seguido pelos EUA, com 47 operações, e pela França, com 28 transações.

As empresas portuguesas escolheram Espanha como principal destino de investimento, com 31 transações, que foi seguida pelo Brasil, com oito operações, e pelo Reino Unido, com sete transações.

As aquisições estrangeiras no setor de tecnologia e internet aumentaram 165% em 2021 face a 2020, indica a TTR, adiantando que em relação aos fundos estrangeiros de private equity e venture capital, que investem em empresas portuguesas, houve uma diminuição de 4% no período em análise.

Até dezembro de 2021, foram contabilizadas 51 transações de private equity, no valor total de 2.300 milhões de euros, com o número de operações a subir 30% face a 2020.

Em venture capital, foram realizadas 113 operações de investimentos no valor de 1.500 milhões de euros, com o número de transações a subir 85%.

No segmento de asset acquisitions, o capital mobilizado atingiu 4.200 milhões de euros e foram registadas 115 transações, mais 30% do número de operações que em 2020.

A TTR refere ainda que a transação destacada em 2021 foi a venda, pelo Grupo Sonae, da participação de 24,99% na Sonae MC à Camoens Investments, entidade detida indiretamente por fundos geridos pela CVC Capital Partners, no valor de 528 milhões de euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Fusões e aquisições aceleram 30% em 2021 e movimentam 19,2 mil milhões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião