Falta de portaria leva ANA a processar Leão

  • ECO
  • 27 Janeiro 2022

Pedro Nuno Santos deu luz verde a uma taxa de segurança para a gestora dos aeroportos, mas João Leão ainda não publicou a portaria que a regulamenta. A ANA cansou-se de esperar e processou o ministro.

A concessionária dos aeroportos nacionais, a ANA, decidiu avançar com uma ação cível contra o ministro das Finanças, João Leão, e o Ministério das Finanças por não publicar uma portaria para aumentar a taxa de segurança, segundo o Expresso. A proposta do regulador, a ANAC (Autoridade Nacional de Aviação Civil) para esse aumento foi aprovada pelo ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, há quase um ano, mas Leão ainda não a concretizou numa portaria.

O semanário avança que o aumento de 50 cêntimos da taxa de segurança dos aeroportos vale 13 milhões de euros para a Aeroportos de Portugal (ANA), controlada pelos franceses da Vinci, sendo cobrada aos passageiros. Perante a falta da publicação da portaria em Diário da República que concretize esse aumento, a empresa decidiu processar Leão a título individual, o que é inédito pelo que pode fazer “jurisprudência” para futuros processos.

A proposta foi feita pela ANAC, o regulador do setor da aviação, e previa o pagamento de retroativos a 1 de janeiro de 2021. Em março do ano passado, o Ministério das Infraestruturas e da Habitação aprovou a proposta do aumento da taxa de segurança e passou o processo ao Ministério das Finanças para elaborar a portaria. Mas, relata o Expresso, Leão relegou-o para segundo plano, sem responder, como tem feito com outros processos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Falta de portaria leva ANA a processar Leão

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião