“BORA Mulheres” está de volta para formar 200 empreendedoras

A quarta edição do programa de empreendedorismo da Coca-Cola Portugal e do Impact Hub Lisbon decorre de 11 a 13 de março. As inscrições abrem a 3 de fevereiro.

A Coca-Cola Portugal e o Impact Hub Lisbon voltam a unir forças para o regresso do “BORA Mulheres”. Este ano, na sua quarta edição, o evento decorrerá de 11 a 13 de março em formato digital e terá um demo day presencial no final de julho. Limitadas a 200 vagas, as inscrições abrem a 3 de fevereiro.

“Em 2022 continua a ser importante fomentar o empreendedorismo feminino, a dar ferramentas às mulheres para construírem o seu negócio, de forma a ultrapassarem os obstáculos que constantemente enfrentam no seu percurso”, começa por dizer Márcio Cruz, responsável de comunicação e sustentabilidade da Coca-Cola europacific partners em Portugal.

“Queremos com este programa contribua para diminuir a desigualdade de género em Portugal e que com ele possam surgir ideias inovadoras para a sociedade, mais inclusão, mais negócios, mais emprego”, acrescenta, citado em comunicado.

O tema do “BORA Mulheres” deste ano foca-se na diversidade e inclusão de género no mercado de trabalho, no mundo do empreendedorismo português, e no impacto social. A passagem da ideia à estratégia, os modelos de financiamento, e o registo do negócio serão alguns dos temas ensinados por oradoras experientes e reconhecidas, e sempre com uma perspetiva de empoderamento, inclusão e diversidade.

Sara do Ó, fundadora e CEO do Grupo Your, Ana Sanches, VP de diversidade, equidade e inclusão na Teleperformance Portugal, Catarina Marques Rodrigues, jornalista e palestrante sobre temas de igualdade, diversidade e inclusão, Mariama Injai, CEO e fundadora do Nô Bai, e Catarina Oliveira, ativista por pessoas com deficiência e lutadora pela acessibilidade, serão algumas das oradoras.

“O ‘BORA Mulheres’ é o primeiro passo para a consolidação de um ecossistema empreendedor feminino português, que resulta da conexão e colaboração de esforços já existentes. Com este e futuros programas de suporte a empreendedoras, vamos formar parcerias de forma a alavancar uma rede de partilha de boas práticas e criar uma base de conhecimento sólida no tema”, diz Ana Có, gestora do projeto no Impact Hub.

Criado com o objetivo de capacitar e dar as ferramentas necessárias para que mais empreendedoras possam tirar as suas ideias de negócio do papel, nos últimos três anos, o programa de formação em empreendedorismo já recebeu mais de 1.500 inscrições e conta com 600 formandas.

Limitadas a 200 vagas, as inscrições abrem a 3 de fevereiro. O programa é gratuito e a participação é atribuída por ordem de chegada. Candidaturas e mais informações aqui.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

“BORA Mulheres” está de volta para formar 200 empreendedoras

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião