BCP reforça administração com duas mulheres, incluindo Clara Raposo

Saem dois homens e entram duas mulheres para o board do BCP. Banco aposta na continuidade da equipa executiva liderada por Maya para a “segunda fase de normalização e de crescimento da atividade”.

O BCP BCP 1,94% vai reforçar o seu conselho de administração com duas administradoras, sendo uma delas Clara Raposo, presidente do ISEG e que vai integrar ainda a administração da Nos e é ainda a chairwoman da Greenvolt. A outra novidade proposta para o board do banco é Lingzi Yuan.

As duas vão exercer funções não executivas e substituir José Elias da Costa e Wan Sinlong no próximo mandato que vai até 2025, de acordo com a proposta que os acionistas vão votar na assembleia geral do próximo dia 4 de maio.

Em relação ao resto do conselho de administração, não há novidades: vai continuar a ser liderado por Nuno Amado, com Jorge Magalhães Correia, Valter Dias de Barros e Miguel Maya como vice-presidentes.

A comissão executiva do banco também vai continuar com Miguel Maya como presidente e Miguel Bragança, Jorge Nuno Palma, Maria Matos Campos, Rui Manuel Teixeira, e José Miguel Pessanha como administradores.

De resto, Nuno Amado já tinha antecipado na conferência de resultados do banco, em fevereiro, que a comissão executiva ia ser reconduzida para um novo mandato com o objetivo de o banco entrar na “segunda fase de normalização e de crescimento da atividade”.

“A produção de efeitos da presente proposta fique sujeita à condição suspensiva da obtenção, por parte do Banco Central Europeu”, assinala ainda o comunicado do banco enviado ao mercado.

Além dos órgãos sociais, a assembleia geral vai deliberar sobre o dividendo de 0,09 cêntimos por ação, depois dos lucros de 138 milhões de euros em 2021.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BCP reforça administração com duas mulheres, incluindo Clara Raposo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião