Taxa de desemprego recua para 5,9% no primeiro trimestre

A taxa de desemprego em Portugal recuou para 5,9% no primeiro trimestre, encolhendo em 0,4 pontos percentuais face ao trimestre anterior, segundo o INE.

O mercado de trabalho continua a recuperar em Portugal. A taxa de desemprego recuou para 5,9% no primeiro trimestre deste ano, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE). Trata-se de um valor inferior em 0,4 pontos percentuais ao registado no trimestre anterior e uma queda de 1,2 pontos percentuais comparando com igual período de 2021.

“A taxa de desemprego foi estimada em 5,9%, valor inferior em 0,4 pontos percentuais ao do 4.º trimestre de 2021 e em 1,2 pontos percentuais ao do 1.º trimestre do mesmo ano”, sinaliza o INE, na nota informativa publicada esta quarta-feira, assinalando que a evolução “mais acentuada” teve a taxa de desemprego de jovens (16 a 24 anos), “estimada em 20,6%”, ainda que tenha registado um valor “inferior em 2,8 pontos percentuais ao do trimestre anterior e em 3,5 pontos percentuais ao do trimestre homólogo”.

Segundo os dados divulgados esta quarta-feira, entre janeiro e março deste ano, a população desempregada diminuiu 6,7%, face ao trimestre anterior, para 308,4 mil pessoas (menos 22,2 mil pessoas desempregadas). Relativamente a igual período de 2021, há uma queda de 14,3% (menos 51,7 mil pessoas desempregadas).

Fonte: INEFonte: Instituto Nacional de Estatística

Quanto à população empregada, foi estimada em 4.900,9 mil pessoas, isto é, uma subida de 0,4% face ao quarto trimestre de 2021, bem como um aumento de 4,7% face ao período homólogo. O gabinete de estatísticas nota ainda que a proporção da população empregada que “trabalhou sempre ou quase sempre a partir de casa”, ou seja, em teletrabalho, situou-se nos 10,4% (510,2 mil pessoas), isto é, a segunda menor taxa desde que este indicador começou a ser monitorizado, na sequência da pandemia, e é apenas ultrapassado pelo valor registado no último trimestre de 2021.

Contas feitas, a população ativa manteve-se “praticamente inalterada” face ao trimestre anterior, mas aumentou 3,3% face a igual período de 2021 para 5.209,3 mil pessoas. O INE explica estes valores com a taxa de atividade da população em idade ativa (dos 16 aos 89 anos), que no primeiro trimestre se fixou nos 59,9%, isto é, mais 0,1 pontos percentuais face ao trimestre anterior e uma subida de 1,9 pontos percentuais em relação ao período homólogo.

Por outro lado, a população inativa recuou 0,5% face ao trimestre anterior, bem como encolheu 3,4% face ao período homólogo. Está estimada em 3.593,1 mil pessoas.

(Notícia atualizada pela última vez às 11h52)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Taxa de desemprego recua para 5,9% no primeiro trimestre

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião