CTT podem melhorar dividendo com negócio imobiliário, diz Caixabank/BPI

CTT anunciaram que vão criar um veículo para gerir imóveis no valor de 110 milhões de euros. O negócio era aguardado há muito pelos analistas, que acreditam que pode potenciar dividendos da empresa.

O negócio imobiliário anunciado esta segunda-feira pelos CTT CTT 0,80% , há “muito aguardado” pelo mercado, poderá levar a uma melhoria dos dividendos e ao reforço do programa de compra de ações da empresa liderada por João Bento, antecipam os analistas do Caixabank/BPI.

A estratégia dos CTT passa por duas carteiras de “características diferentes”:

  • um “portefólio de rendimento” que incluirá 400 imóveis relativos às lojas e pontos de presença dos correios no valor contabilístico líquido de 110 milhões de euros e que passarão a ser geridos por um veículo controlado pelos CTT, mas com novos investidores a deterem uma posição minoritária;
  • um “portefólio de desenvolvimento” que será constituído até dez imóveis “com potencial para projetos de desenvolvimento de uso misto” e com um valor contabilístico líquido de 24 milhões de euros.

Num comentário a este anúncio, a que o ECO teve acesso, os analistas do Caixabank/BPI consideram que o negócio imobiliário permitirá aos CTT obter um “encaixe potencialmente significativo”, que poderá ascender aos 78 milhões de euros, isto no pressuposto de que venderá 49% do novo veículo e todo o portefólio de desenvolvimento, em ambos os casos, pelo valor contabilístico líquido.

“Considerando a falta de oportunidades de M&A consideráveis ​​no setor e a já forte posição de balanço dos CTT, [o negócio imobiliário] poderá representar uma melhoria na remuneração acionista com potenciais programas de recompras adicionais”, explicam os analistas.

Os CTT anunciaram que entraram em negociações exclusivas com um investidor para a criação de um veículo especial para deter e gerir o seu portefólio de retalho e logística. Este investidor irá co-investir no veículo em conjunto com investidores adicionais, incluindo “parceiros institucionais e family offices”, adiantaram os Correios.

Com esta operação, os CTT querem rentabilizar o seu parque imobiliário de lojas e centros de logística em Portugal e Espanha.

Preço das ações dos CTT em Lisboa:

Nota: A informação apresentada tem por base a nota emitida pelo banco de investimento, não constituindo uma qualquer recomendação por parte do ECO. Para efeitos de decisão de investimento, o leitor deve procurar junto do banco de investimento a nota na íntegra e consultar o seu intermediário financeiro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CTT podem melhorar dividendo com negócio imobiliário, diz Caixabank/BPI

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião