Caixa vende Esegur e quer relançar venda do banco em Cabo Verde

Caixa e Novobanco venderam a empresa de segurança Esegur aos espanhóis da Trablisa esta semana. Paulo Macedo conta relançar processo de venda do banco em Cabo Verde no próximo mês.

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) e o Novobanco fecharam a esta semana a venda da empresa de segurança Esegur, revelou o presidente do banco público. Paulo Macedo anunciou ainda que conta relançar no próximo mês, se o Governo assim decidir, o processo de venda de um dos dois bancos que tem em Cabo Verde.

Em relação à Esegur, a empresa foi vendida esta quinta-feira aos espanhóis da Trablisa, que teria oferecido um preço de 30 milhões de acordo com a imprensa espanhola. “Foi uma operação que teve muitos meses para ser trabalhada. (…) O efeito em capitais é positivo, mas é marginal”, disse o líder da Caixa, que tinha 50%, sem revelar o valor do negócio.

Sobre a venda do banco cabo verdiano Banco Comercial do Atlântico, Paulo Macedo disse que tem a expectativa de que o processo seja relançado no próximo mês, mas depende da decisão do Conselho de Ministros.

“A nossa expectativa é que, estando o processo a decorrer há algum tempo, parecendo que é relativamente pacífico que não faz sentido a Caixa ter dois bancos em Cabo Verde, e havendo interessados no processo, o processo seja rapidamente despachado. O timing será o Governo que definirá”, declarou o gestor.

Outro dos negócios que a o banco público tem para venda é a Caixa Brasil, mas está numa fase diferente em relação ao processo do banco em Cabo Verde.

A Caixa registou lucros de 486 milhões de euros no primeiro semestre, uma subida de 65% em relação ao mesmo período do ano passado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Caixa vende Esegur e quer relançar venda do banco em Cabo Verde

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião