Comparticipação de testes à Covid-19 prolongada até final de agosto

Medida que garante acesso a testes rápidos de antigénio de uso profissional prescritos no Serviço Nacional de Saúde vigora até 31 de agosto.

O Governo voltou a prolongar a comparticipação de testes rápidos de antigénio de uso profissional à Covid-19 prescritos pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS), desta vez até ao final do mês de agosto, segundo uma portaria publicada esta quarta-feira em Diário da República.

Apesar da estabilização da situação pandémica, o Executivo sublinha a “relevância da realização de testes de diagnóstico para despiste de infeção”, nomeadamente “para efeitos de referenciação de pessoas sintomáticas e deteção precoce de casos confirmados”, lê-se no texto que antecede a portaria.

“Importa assegurar a manutenção da vigência do regime excecional e temporário estabelecido, continuando a garantir o acesso e a realização de Testes Rápidos de Antigénio (TRAg) de uso profissional, prescritos no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e financiados através de um regime especial de preços máximos para efeitos de comparticipação da realização desses mesmos TRAg”, concluem.

A medida já tinha sido prolongada no mês passado e é novamente estendida, com esta portaria, que entra em vigor no dia 1 de agosto de 2022 e vigora até ao dia 31 de agosto de 2022, “sem prejuízo da sua eventual prorrogação”.

No âmbito deste regime, os testes rápidos de antigénio à Covid-19 estão disponíveis em cerca de 1.500 farmácias e 718 laboratórios do país, segundo dados da Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde. Há ainda 148 estabelecimentos prestadores de cuidados de saúde onde estes testes podem ser realizados gratuitamente.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Comparticipação de testes à Covid-19 prolongada até final de agosto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião