Direto Suspensas exportações de petróleo da Rússia para Hungria, República Checa e Eslováquia

  • ECO
  • 9 Agosto 2022

As inspeções mútuas da Rússia e dos Estados Unidos às respetivas centrais nucleares foram suspensas durante a pandemia, mas agora a Rússia não quer retomar o tratado de 2010.

A Rússia suspendeu o acordo de 2010 que permitia que inspetores russos e norte-americanos verificassem as centrais nucleares uns dos outros, o que eleva os receios de ausência de controlo do armamento.

As inspeções mútuas foram suspensas durante a pandemia, por precaução sanitária, mas agora a Rússia não quer retomar o tratado, alegando que as sanções impostas pelos EUA conta Moscovo por causa da invasão da Ucrânia impedem os inspetores de se deslocarem.

E com as suspeitas de que as tropas russas estão a usar a central nuclear de Zaporíjia para armazenar armas, o Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, levantou o espetro do desastre de Chernobyl e pediu novas sanções contra a Rússia. “O mundo não deve esquecer Chernobyl e o facto de que Zaporíjia é a maior central da Europa. O desastre de Chernobyl [em 1986] foi a explosão de um reator e a central de Zaporíjia tem seis reatores”, disse Zelensky no seu discurso diário.

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Suspensas exportações de petróleo da Rússia para Hungria, República Checa e Eslováquia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião