“Mais do que argumento de atração, o full remote é oportunidade para empresas e colaboradores”premium

Depois de uma ronda de 12 milhões de dólares, a portuguesa Amplemarket quer duplicar a equipa. Em maio, a startup, que trabalha sobretudo em remoto, chama a Lisboa a equipa para um offsite.

Em maio, todos os caminhos dos colaboradores da portuguesa Amplemarket vem dar a Lisboa. Foi a cidade escolhida pela startupportuguesa, que desenvolve um softwarebaseado em inteligência artificial e machine learningpara otimizar o serviço das equipas de vendas, que trabalha, sobretudo, em modelo remotoreunir os atuais 35 colaboradores espalhados pela América do Norte, Europa e Brasil para um offsite.Depois de levantar 12 milhões de dólares,a startupquer duplicar a equipa para 70 pessoas até final do ano."Este tipo de encontros permite criar um espaço onde a equipa partilha conhecimento, cria laços e promove um entendimento ainda mais profundo quer da colaboração entre colaboradores, quer dos objetivos e metas da empresa. Adicionalmente, é a oportunidade ideal para que aqueles

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos