Dos cliques às partilhas. Como o LinkedIn conquistou o setor da advocacia?premium

O LinkedIn passou a ser um dos mecanismos privilegiados de comunicação e trabalho das firmas de advogados. Entre os escritórios a operar em Portugal a Linklaters é aquele que soma o mais seguidores.

As redes sociais tomaram grande parte da vida da população, passando a ocupar várias horas do dia de cada cidadão, como também das empresas que apostam cada vez mais nestes meios para chegar ao seu público. Do leque variado de possibilidades, o LinkedIn é aquela que se destaca entre as redes sociais dedicadas ao mundo profissional,onde as pessoas podem apresentar o seu percurso/currículo e as empresas podem crescer, ganhar visibilidade e até recrutar. Criado em 2013, a rede social já conta com mais de 675 milhões de utilizadores por todo o mundo, sendo 167 milhões apenas nos Estados Unidos da América. Na Europa estão registados 206 milhões, dos quais mais de três milhões são membros portugueses.No setor da advocacia o LinkedIn também tem ganhado grandes “adeptos” e somando escritórios

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos