Luanda Leaks

Um consórcio de jornalismo de investigação revelou mais de 715 mil ficheiros, sob o nome de “Luanda Leaks”, que detalham esquemas financeiros de Isabel dos Santos e do marido.

Isabel dos Santos recorreu da decisão judicial que deu razão a Ana Gomes no "lava que se farta". Socialista disse que reputação da angolana está "mais perto da de Al Capone do que de Madre Teresa".

Fitch diz que banca portuguesa pode ter de constituir imparidades para acautelar financiamentos dados a Isabel dos Santos. Mas exposição à empresária angolana "é gerível", refere a agência.