Media Capital reforça ganhos com produções da Plural

A Media Capital apresentou esta quinta-feira lucros de 8,78 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano. Rendimentos com produção audiovisual cresceram de 12%.

O grupo Media Capital lucrou 8,78 milhões de euros nos primeiros nove meses deste ano, uma variação positiva de 7% em relação ao período homólogo. A dona da TVI e da rádio Comercial apresentou resultados esta quinta-feira num relatório enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), e registou um EBITDA total — isto é, lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização — no valor de 22,7 milhões de euros.

A televisão continua a ser a principal geradora de receita, registado um EBITDA de 19 milhões de euros nesse período. As vendas incidiram principalmente na publicidade, que totalizou 72 milhões de euros de receita operacional. Na prática, os rendimentos da publicidade cresceram 5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Esta área de negócio da Media Capital inclui todas as estações televisivas do grupo TVI. Ora, segundo a empresa, o grupo lidera no “principal target comercial”: pessoas com 15 ou mais anos de idade. O valor da quota da TVI neste segmento é de 22,4%, diz o relatório. Apesar de tudo, numa perspetiva trimestral, a receita operacional da televisão caiu 5% neste terceiro trimestre, em relação ao terceiro trimestre de 2015.

Telenovelas reforçam ganhos

A Media Capital detém também a produtora audiovisual Plural Entertainment, responsável pela produção das telenovelas “A Única Mulher”, “Santa Bárbara” e, mais recentemente, “A Impostora”.

Ora, nos primeiros nove meses do ano, os rendimentos do grupo com produção audiovisual tiveram um crescimento de 12% em relação ao período homólogo, totalizando 31,4 milhões de euros, mas com um EBITDA de 504 mil euros. Já o crescimento trimestral foi de 9% neste terceiro trimestre, registando 9,2 milhões de euros de receita no período.

Mas não só de televisão vive a Media Capital. Entre janeiro e setembro, as receitas operacionais do grupo com a rádio também cresceram 5% em termos homólogos, alcançando os 12,7 milhões de euros. A contribuir esteve principalmente a rádio Comercial, seguindo-se as rádios M80 e Cidade. Neste segmento, o EBITDA superou os 3,2 milhões de euros.

No relatório enviado à CMVM, o grupo Media Capital deixa ainda um indicador importante: “Na atividade digital, a publicidade melhorou 14% nos primeiros nove meses de 2016.”

Comentários ({{ total }})

Media Capital reforça ganhos com produções da Plural

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião