Propostas de compra do Novo Banco entregues até às 17h00

BPI, BCP, Apollo Management/Centerbridge, Lone Star, Minsheng e Axia Ventures são os interessados no banco que resultou do antigo Banco Espírito Santo.

Os candidatos à compra do Novo Banco podem apresentar propostas finais e melhoradas até às 17:00 desta sexta-feira, disse à agência Lusa fonte próxima do processo. Há seis interessados no banco de transição do antigo Banco Espírito Santo (BES).

O prazo é válido, tanto para os investidores estratégicos, interessados na compra direta do Novo Banco, como para aqueles que estão interessados na operação no mercado de capitais, que implica a entrada de um acionista através de um aumento de capital, segundo a informação recolhida junto de fontes do setor financeiro.

À venda direta apresentaram-se o BPI, o BCP, o consórcio Apollo Mangement/Centerbridge e o fundo Lone Star. Já na opção de aumento de capital está interessado o China Minsheng Financial Holding, do grupo chinês Minsheng. Esta sexta-feira, o Jornal Económico dá ainda conta de que a Axia Ventures Group está a estudar a compra do Novo Banco, mas só só estará interessada nesta modalidade de operação no mercado de capitais.

Segundo diz ao mesmo jornal Francisco Sottomayor, diretor da Axia Ventures, não está ainda desenhada uma proposta concreta. Fontes de mercado admitem que estará a ser preparado um consórcio.

A data limite para a venda do Novo Banco é agosto de 2017.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Propostas de compra do Novo Banco entregues até às 17h00

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião