Wall Street abre sem rumo após rally com Trump

Investidores recuperam fôlego após subida acentuada que as bolsas norte-americanas registaram após a eleição de Donald Trump para a Casa Branca.

Com os investidores a avaliarem se há mais espaço para novas subidas nas bolsas norte-americanas, depois do rally observado com a eleição de Donald Trump, Wall Street iniciou a sessão desta quarta-feira sem uma tendência definida.

O índice de referência mundial S&P 500 e o industrial Dow Jones ganhavam 0,06% e 0,08%, respetivamente, enquanto o tecnológico Nasdaq cedia cerca de 0,21%.

“Quando os mercados sobem tanto, é frequente haver maior sensibilidade entre os investidores. O desempenho de hoje pode ter a ver com a queda dos preços do petróleo ou com ajustamentos técnicos que têm lugar quando se atingem níveis tão elevados”, referiu Peter Cardillo, economista chefe da First Standard Financial, à Reuters.

Um dos setores em maior foco do outro lado do Atlântico é o da saúde, depois de o Presidente eleito ter sinalizado a intenção de baixar os preços dos medicamentos numa entrevista à revista Time. As ações de companhias como a Pfizer (-2,63%), Celgene (-4,55%) e Johnson & Johnson (-1,91%) apresentavam as maiores quedas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street abre sem rumo após rally com Trump

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião