Novo Banco deverá ser vendido na semana do Natal

Marques Mendes disse este domingo na SIC que as negociações com os vários concorrentes ficaram fechadas na sexta-feira.

É um dos dossiers que o Governo e o Banco de Portugal querem fechar até ao final do ano.

O comentador da SIC disse, este domingo, que “as negociações com os vários concorrentes terminaram na passada sexta-feira”, tendo sido apresentadas propostas e revisões de propostas definitivas.

Tal como tinha avançado na semana passada, Marques Mendes reitera que “do ponto do vista financeiro e de encaixe para o Fundo de Resolução, a proposta mais forte é dos chineses”.

O China Minsheng Financial propõe-se comprar o Novo Banco numa operação feita parcialmente através do mercado de capitais.

Seguem-se agora duas semanas em que será feita a análise dos contratos de compra, serão estabelecidos os contactos com o Banco Central Europeu e será feita a articulação com o Governo, segundo a calendarização feita pelo comentador.

Na semana do Natal ou entre a semana de Natal e a do Ano Novo haverá uma solução final”, vaticina Marques Mendes.

O comentador recorda ainda que o empréstimo de 3,9 mil milhões de euros que o Estado fez ao Fundo de Resolução já foi convertido num empréstimo de longo prazo, ou seja, durante 20 a 30 anos as contribuições que a banca fizer para esse Fundo podem servir para ressarcir os cofres públicos.

Comentários ({{ total }})

Novo Banco deverá ser vendido na semana do Natal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião