Empresas confiantes: exportações vão crescer ainda mais

  • Margarida Peixoto
  • 11 Julho 2017

As empresas reviram em alta as suas expectativas de exportações para 2017. O crescimento face a 2016 será maior, tanto nas vendas para a União Europeia, como para países terceiros.

As empresas exportadoras de bens estão confiantes: as suas expectativas de vendas ao exterior para este ano são ainda mais elevadas, quando comparadas com a primeira projeção, realizada em novembro de 2016. Os dados foram revelados esta terça-feira, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

As perspetivas das empresas para a exportação de bens apontam para um crescimento nominal de 7,5%, mais 2,2 pontos percentuais do que a primeira projeção. O otimismo resulta tanto das expectativas de vendas para os países terceiros — para onde esperam vender mais 11,2% do que em 2016 — como para os países comunitários — para onde antecipam um aumento de 6,3%. Mesmo excluindo os combustíveis e lubrificantes das contas, as perspetivas de exportação melhoraram face a novembro e indicam agora um aumento de 6,2%.

Perspetivas melhoram

Fonte: INE

Segundo o boletim do INE, as maiores revisões em alta das perspetivas de exportações verificaram-se na venda de bens para o mercado extracomunitário. Destaca-se a venda de material de transporte e acessórios (onde se espera agora um aumento de 20,1%), de combustíveis e lubrificantes e de máquinas, outros bens de capital e seus acessórios (com a perspetiva de vender mais 17% do que em 2016).

Já no comércio para a União Europeia, o INE destaca também a subida esperada nas exportações de material de transporte e acessórios (de 7,6%), para além dos fornecimentos industriais (6,2%).

De acordo com os dados do comércio internacional publicados na segunda-feira pelo INE, as exportações de bens aceleraram em maio, para 15,4%, quando comparadas com o mesmo mês de 2016. Em abril tinham estado praticamente estagnadas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Empresas confiantes: exportações vão crescer ainda mais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião