Quem está online? Cinco novidades do mundo das redes sociais

  • Ana Batalha Oliveira
  • 7 Agosto 2017

Descubra o que anda a colar ao ecrã quase 40% da população mundial quando são as redes sociais a iluminar o visor.

Que as redes sociais são cada vez mais populares é novidade. Mas há tendências a moldar o mercado que não serão tão óbvias. Conheça cinco.

O Facebook é a rede preferida dos utilizadores americanos: 79% está nesta rede. Seguem-se o Instagram, Pinterest, LinkedIn e Twitter. Desde 2012 que todas têm crescido em número de utilizadores, com exceção de quebras do LinkedIn e do Twitter em 2015. Mas o estudo do Business Insider sobre o comportamento das redes sociais norte-americanas regista tendências muito mais peculiares, listadas abaixo:

  1. Tic-tac… Quando o relógio está a contar, são os adultos os maiores fãs do Facebook

    O Facebook é a rede social mais utilizada nos EUA, mas quem lá passa mais tempo não são os adolescentes. São os adultos entre os 45 e 54 anos de idade que contribuem para mais de um quinto do tempo que é despendido nesta rede — 21% mais precisamente.

  2. LinkedIn, uma rede de elite

    Não é por opção da rede social, mas é a realidade que se verifica: esta plataforma é utilizada sobretudo pelas camadas sociais que têm um rendimento mais elevado. 45% dos utilizadores do LinkedIn nos EUA têm uma remuneração anual superior a 75.000 dólares, aproximadamente 63.648 euros.

  3. “Sair com os amigos”… agora é online

    Entre os mais novos, há uma nova categoria de rede social que está a ganhar relevância: as plataformas que permitem conversações em vídeo entre vários utilizadores ao mesmo tempo, as chamadas “digital hangouts”. A Houseparty é um exemplo deste tipo de rede social e cerca de 60% dos utilizadores tem idades abaixo dos 24 anos.

  4. O Snapchat tem novos protagonistas para as suas histórias

    O Snapchat começou por conquistar os mais novos, mas tem conseguido alargar o público-alvo. No último ano, a aplicação de partilhas instantâneas tem conseguido a adesão de utilizadores de idades mais dispersas, incluindo um público mais velho.

  5. Quase metade do mundo rendido aos ecrãs

    Não é metade, mas já esteve mais longe. A percentagem da população mundial que se move atualmente no tecido das redes sociais ascendeu aos 2,8 mil milhões, isto é, 37% do total da população está ligado através destas plataformas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Quem está online? Cinco novidades do mundo das redes sociais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião