Yellen deixa Wall Street em suspense

Coreia do Norte merece a atenção dos investidores em Wall Street, que têm hoje novo fator a condicionar as suas estratégias. Janet Yellen fala sobre inflação e poderá deixar pistas sobre juros.

Enquanto digerem as tensões entre Coreia do Norte e EUA, depois de Pyongyang ter anunciado que poderá vir abater aviões norte-americanos mesmo que não estejam no seu espaço aéreo, considerando que Donald Trump declarou guerra ao país através da sua conta de Twitter, os investidores norte-americanos têm hoje novo fator a condicionar as suas estratégias: Janet Yellen. As subidas em Wall Street são ligeiras no arranque.

A presidente da Reserva Federal norte-americana discursa esta terça-feira sobre “Inflação, Incerteza e Política Monetária” no encontro anual da National Association for Business Economics, o que poderá deixar novas pistas acerca da política monetária na maior economia do mundo.

Neste cenário, o índice de referência mundial S&P 500 avança 0,2% para 2.501,65 pontos, ao mesmo tempo que o industrial Dow Jones soma 0,18%. Já o tecnológico Nasdaq recupera 0,44%, depois de na última sessão ter caído quase 1%.

“Estamos perante uma situação clássica de mudanças nas estratégias de risco nos mercados”, declarou John Hardy, estratego cambial do Saxo Bank.

No mercado petrolífero, o barril de ouro negro corrige em baixa após a forte valorização desta segunda-feira. O Brent cede 1,36% para 58,23 dólares. Entre as moedas, destaque para a moeda única europeia: o euro cede terreno, cai para mínimos de um mês abaixo dos 1,18 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Yellen deixa Wall Street em suspense

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião