Um novo apagão. WhatsApp desliga-se de smartphones mais antigos

  • ECO
  • 27 Dezembro 2017

Os dispositivos mais antigos da Nokia e da Blackberry deixarão de receber atualizações da plataforma de comunicação, e a partir de 1 de janeiro a aplicação deixará de funcionar.

O WhatsApp volta a dizer adeus aos softwares móveis mais antigos. Após o dia 31 de dezembro, a aplicação vai deixar de funcionar nos equipamentos de marcas como a Nokia, a Windows e a Blackberry.

Quais os sistemas operativos que dizem “adeus” ao WhatsApp? Nokia Symbian S60, Nokia S40, BlackBerry OS, Blackberry 10 e também o Windows Phone 8.0, refere a empresa.

“Foi uma decisão difícil para nós, mas a mais correta de forma a dar aos utilizadores melhores formas de se manterem em contacto com os seus amigos e família através do WhatsApp”, acrescentam.

No seu blog oficial, a empresa detida pelo Facebook recomenda os utilizadores que troquem o seu equipamento para um novo Android, iPhone ou Windows Phone para continuarem a comunicar através da plataforma.

Há cerca de um ano, a aplicação deixou de funcionar em smartphones Windows Phone 7.1, e nos dispositivos Android com as versões 2.1 e 2.2.

A partir de 1 de fevereiro de 2020, os smartphones Android equipados com as versões 2, 3, 7 e anteriores também estarão na lista de sistemas operativos que deixarão de correr o WhatsApp.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Um novo apagão. WhatsApp desliga-se de smartphones mais antigos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião