Siemens Portugal dá ações. 99% dos colaboradores são acionistas

Depois da Siemens ter distribuído 400 milhões de euros em ações pelos seus colaboradores em todo o mundo, subiu para 99% a percentagem de trabalhadores portugueses que têm uma participação.

No último ano, a Siemens distribuiu 400 milhões de euros pelos seus colaboradores em mais de uma centena de países, principalmente sob a forma de ações. Em Portugal, o número de colaboradores da multinacional alemã que detêm participações deste tipo subiu, assim, para 98,5%.

“A Siemens tem o objetivo de envolver cada vez mais os seus colaboradores, partilhando com eles o seu sucesso e fomentando o seu sentimento de pertença“, explica, em comunicado, o presidente executivo da filial portuguesa desta gigante. Pedro Pires de Miranda realça que, neste ponto, a equipa portuguesa está mesmo acima da média mundial, que se fixou, em 2017, nos 80% dos colaboradores do grupo.

Esta distribuição de ações — que não implica qualquer investimento pessoal por parte dos colaboradores — integra o programa Siemens Profit Sharing (numa tradução literal, Siemens Partilha de Lucros) e só acontece após “exercícios particularmente bem-sucedidos”.

Nesse sentido, apesar de a multinacional ter estado a canalizar fundos para este programa desde 2015, só no último ano (tendo em conta os seus resultados positivos) procedeu à entrega em causa.

Inicialmente, a meta da gigante alemã era chegar aos 200 mil colaboradores que também são acionistas até 2020. Em todo o mundo, atualmente a empresa já conta com 377 mil trabalhadores nessas condições, tendo ultrapassado portanto o seu alvo previsto.

Além deste programa, a companhia também promove o Siemens Share Matching, que por determinado número de ações adquiridas prevê a atribuição de ações gratuitas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Siemens Portugal dá ações. 99% dos colaboradores são acionistas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião