Justiça assina protocolos para conservação de cinco tribunais

O Ministério da Justiça, através da Direção-Geral de Administração da Justiça (DGAJ), assinou protocolos com cinco autarquias – Valença, Monção, Melgaço, Arcos de Valdevez e Paredes de Coura.

O Ministério da Justiça, através da Direção-Geral de Administração da Justiça (DGAJ), assinou protocolos com cinco autarquias – Valença, Monção, Melgaço, Arcos de Valdevez e Paredes de Coura – para a conservação das infraestruturas dos respetivos tribunais.

Estes protocolos surgem “num ambiente de estreita cooperação entre a Justiça e os municípios, contribuindo para a melhoria da qualidade das instalações e das condições de funcionamento dos tribunais, reforçando a proximidade entre os cidadãos e a oferta judiciária”, segundo comunicado enviado pelo Ministério da Justiça.

Esta parceria entre o Estado e o poder local já conduziu à assinatura de outros dez protocolos com os municípios de Castelo Branco, Fundão, Idanha-a-Nova, Oleiros, Sertã, Mafra, Porto Santo, Vila Nova de Gaia, Ferreira do Zêzere e Boticas.

Os acordos assinados têm por objeto “a conservação do interior das instalações dos Tribunais, a limpeza periódica de coberturas e seus órgãos de drenagem de águas pluviais, bem como a reparação do mobiliário”, diz a mesma fonte.

Comentários ({{ total }})

Justiça assina protocolos para conservação de cinco tribunais

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião