Vendas de automóveis em máximos de 11 anos. Renault lidera

  • ECO
  • 2 Julho 2018

As vendas de automóveis ligeiros aumentaram 5,5% na primeira metade do ano, face ao ano anterior, segundo a ACAP. A Renault foi campeã de vendas, seguida pela Peugeot e pela Fiat.

As vendas de automóveis aceleraram na primeira metade do ano, atingindo máximos de, pelo menos, 11 anos. De acordo com os dados da ACAP, houve um crescimento de 5,5% nas vendas de automóveis ligeiros face ao mesmo período do ano passado, com a Renault a ser a marca campeã. Vendeu, sozinha, quase 25 mil veículos.

De janeiro a junho foram vendidos mais carros ligeiros do que em relação a 2017, num aumento que se traduz em quase oito mil viaturas. Passou de 145.882 automóveis ligeiros vendidos na primeira metade de 2017, para 153.869 em 2018, um nível que não se observava desde, pelo menos, 2007. Destes, 26.162 automóveis foram comercializados em junho.

A Renault foi a marca campeã das vendas de ligeiros na primeira metade do ano, com quase 25 mil unidades vendidas, seguida pela Peugeot, que vendeu 16 mil carros. A Fiat fecha o pódio com 10 mil carros vendidos, no que foi um aumento de 11,9% relativamente ao mesmo período no ano passado.

A Volkswagen sofreu uma quebra na primeira metade do ano em relação ao ano anterior, com uma queda nas vendas de ligeiros de 23,8%.

No total de mercado, ou seja ligeiros e pesados, o crescimento nas vendas do primeiro semestre traduz-se numa variação homóloga de 5,4%. No mês de junho também se verificou uma melhoria nas vendas, principalmente nos ligeiros de mercadorias, que veem um aumento homólogo de 12,8%, face ao primeiro mês de verão do ano passado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Vendas de automóveis em máximos de 11 anos. Renault lidera

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião