Altice pode vender negócio em Portugal. Ações disparam

Segundo a imprensa internacional, a Altice poderá alienar as operações em Portugal à Telefónica ou à Orange. Títulos do grupo em Amesterdão disparam mais de 4%.

Os investidores estão a reagir positivamente a uma notícia na imprensa internacional que dá conta de que a Altice poderá vender o negócio em Portugal à Telefónica ou à Orange. Os títulos da empresa de Patrick Drahi chegaram a somar 6,7% nesta sessão, estando agora a avançar 4,04% para 3,294 euros na bolsa de Amesterdão.

Segundo o Jornal de Negócios (acesso condicionado), que cita a publicação especializada TMT Finance (acesso pago), o grupo internacional estará a avaliar a possibilidade de vender as operações em Portugal aos espanhóis da Telefónica ou aos franceses da Orange. A Altice detém ativos como a operadora Meo ou a PT Empresas.

Estas são informações não oficiais, que a empresa não quis comentar quando contactada pela Bloomberg. Uma operação deste género poderá valer qualquer coisa como entre 7.000 a 8.000 milhões de euros, segundo cálculos da empresa de research New Street, citados pelo Negócios. A Altice comprou a antiga PT Portugal à Oi em 2015 e pagou 5,789 mil milhões de euros: 4,920 mil milhões para a operadora brasileira e 869 milhões para limpar as dívidas da companhia.

Não são novos os rumores de que a Altice se poderá desfazer das operações no país. A empresa tem estado focada em reforçar a sua liquidez, embora, no passado, todos os rumores tenham acabado por ser desmentidos pelo grupo e até pela Telefónica. O multimilionário Patrick Drahi, que controla o grupo internacional, também já teve ocasião de criticar as notícias que dão conta de que está a vender operações em alguns países, incluindo França. Atualmente, a Altice só confirma que está a vender o negócio na República Dominicana.

(Notícia atualizada às 15h39 com mais informações)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Altice pode vender negócio em Portugal. Ações disparam

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião