Receitas de IRS e IRC com negócio das casas crescem mais de 70%

  • ECO
  • 4 Outubro 2018

IRS, IRC, IMT e IMI. Conjuntamente, estes impostos deverão render este ano 3,3 mil milhões ao Estado e às autarquias. Ou seja, quase mais mil milhões de euros do que em 2014.

A euforia no mercado imobiliário está a ajudar a encher os cofres não só das autarquias como do Estado. No espaço de quatro anos, o valor do IRS pago sobre as rendas e o IRC pago pelas empresas com atividades imobiliárias disparou mais de 70%, dá conta o Jornal de Notícias (acesso pago) esta sexta-feira.

O jornal cita as contas da consultora Deloitte, que apurou que entre 2014 e 2018, o valor do IRS entregue ao Estado pelos senhorios passou de 301 milhões de euros para 537 milhões, valor que corresponde a um aumento de 78%. O aumento do valor das rendas ajudará a explicar em grande medida essa evolução.

Já no caso do IRC pago pelas empresas de atividades imobiliárias, o valor terá passado de 127 milhões para 218 milhões. Somados ao IMI e o IMT, todos estes impostos irão render este ano cerca de 3,3 milhões de euros, ou seja, quase mais mil milhões do que em 2014.

A ordem de grandeza dos valores arrecadados em impostos que envolvem o imobiliário resulta do ajustamento de preços provocado por um aumento da procura, em grande parte alicerçada em investimento estrangeiro, que na sequência da crise financeira começou a apostar mais em ativos imobiliários.

Os últimos dados disponíveis mostram que só no segundo trimestre deste ano, os preços das casas aumentaram 11,2%, após uma subida de 12% nos três primeiros meses de 2018.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Receitas de IRS e IRC com negócio das casas crescem mais de 70%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião