Mercado livre de eletricidade já representa 85% do consumo total

Os números são de agosto: o mercado liberalizado cresceu cerca de 3%, desde o ano passado, a registar mais de cinco milhões de clientes. O consumo também cresceu mais de 2%, face ao ano passado.

O mercado livre de eletricidade continua a crescer. Em agosto registou um crescimento líquido de 10 mil clientes face a julho, chegando aos cinco milhões de consumidores, o que representa um crescimento de 3,1% relativamente ao ano passado, segundo comunicado da ERSE. O mercado liberalizado representa, atualmente, 81% do número total de clientes e 94% do consumo registado em território nacional.

De notar que os grandes consumidores estão praticamente todos no mercado livre, enquanto a percentagem de domésticos continua a aumentar, representando 85% do consumo total do segmento, face aos 83% registados em agosto de 2017.

A carteira de clientes ainda fornecidos no mercado regulado tem vindo a diminuir, registando-se em agosto 1,15 milhões de clientes a ser abastecidos pelo comercializador de último recurso. Já em termos de consumo, houve um aumento de 68 GWh, face a julho, para um total de 42 727 GWh, o que representa um crescimento de 2,4% face ao mês homólogo de 2017.

Quanto às quotas de mercado, a EDP Comercial manteve a sua posição como principal operador no mercado livre em número de clientes, com cerca de 81,5%, e em termos de consumo — a registar 41,8%. A Iberdrola mantém a liderança de mercado no segmento de grandes consumidores, com 30,9%, e a Endesa a liderança no segmento de clientes industriais, com 27,4%.

Comentários ({{ total }})

Mercado livre de eletricidade já representa 85% do consumo total

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião