Metro de Lisboa volta a parar dia 6. Greve coincide com arranque do Web Summit

Os trabalhadores do Metropolitano de Lisboa vão parar na manhã do dia 6 de novembro, quando arranca o Web Summit.

Os trabalhadores do Metropolitano de Lisboa vão parar no dia 6 de novembro, o primeiro dia oficial do Web Summit, avança a RTP. A greve vai ocorrer entre 6h30 e as 9h30.

A Federação dos Sindicatos dos Transportes e Comunicações irá entregar o pré-aviso de greve, indica a sindicalista Anabela Carvalheira. Em causa está a atualização dos salários e a contratação de novos trabalhadores, motivações que também levaram a uma greve na manhã desta quinta-feira.

Nas últimas edições daquele que é o maior evento de empreendedorismo e tecnologia do mundo, o metro foi reforçado para suportar o aumento de passageiros. No ano passado, chegou a disponibilizar três tipos de títulos combinados para os participantes. São esperadas cerca de 70 mil pessoas para a cimeira neste ano.

(Notícia atualizada às 12h04)

 

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Metro de Lisboa volta a parar dia 6. Greve coincide com arranque do Web Summit

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião