Cristina vence na estreia. SIC consegue mais de 531 mil espectadores

Na estreia, Cristina Ferreira venceu Manuel Luís Goucha. De acordo com dados provisórios da Markdata, O Programa da Cristina teve assistência média superior a meio milhão.

Cristina Ferreira fez a SIC ganhar o dia na estreia do Programa da Cristina no canal de Carnaxide. A estação conseguiu 19,6% de share (contra 11,1% da RTP e 18,8% da TVI), considerando os dados do dia completo, de acordo com a GFK. Em dia de estreia, a apresentadora liderou as audiências com 35,5% de share, 5,5% de rating (audiência média) e 531,7 mil telespectadores.

“O Programa da Cristina estreou ontem na SIC a liderar, em dados Live + Vosdal, com o resultado histórico de 40,1% de share e 6,7% de audiência média, o que corresponde a 653 mil e 200 indivíduos levando a SIC à liderança no total do dia com 20,8% de share. A SIC não alcançava um resultado acima dos 40% de share nas manhãs desde o SIC 10 horas, em 2002″, detalha a estação de Carnaxide em comunicado.

Horas antes da divulgação dos dados da GFK, a Markdata tinha avançado dados provisórios que davam conta de uma média superior a meio milhão de pessoas retidas pelo Programa da Cristina durante as quase três horas de duração (542.500 pessoas). Segundo a mesma fonte, Cristina Ferreira conseguiu 35,8% de share e, Manuel Luís Goucha e Maria Cerqueira Gomes, à mesma hora na TVI, ficaram-se por uma média de 353.600 pessoas, o valor mais baixo desde a estreia da dupla, a 2 de janeiro deste ano, correspondente a 24,7% de share.

Cristina Ferreira, uma das grandes apostas de Daniel Oliveira na direção de programas da SIC, estreou esta segunda-feira, 7 de janeiro, o programa com o seu nome. Na estreia, Cristina entrevistou o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, e foi surpreendida por um telefonema do Presidente da República, a desejar-lhe sorte para o novo projeto televisivo, o primeiro da apresentadora fora da TVI.

O anúncio de que a apresentadora trocava a sua estação de sempre, a TVI, pela SIC, aconteceu em agosto do ano passado. Na altura, o Correio da Manhã adiantava que a apresentadora iria ganhar 80 mil euros por mês.

De acordo com a SIC, “em termos de perfil, o programa de Cristina Ferreira liderou em termos absolutos em ambos os géneros, em todas as classes sociais, nos indivíduos dos 15 aos 64 anos e em todas as regiões, liderando também no universo dos canais generalistas nos mais novos entre os 4 e os 14 anos, recolhendo assim a preferência absoluta de todos os portugueses”.

Notícia atualizada às 10h50 com os dados oficiais de audiências da GFK e, às 12h28 com comunicado oficial da SIC.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Cristina vence na estreia. SIC consegue mais de 531 mil espectadores

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião