Portuguesa Omniflow levanta dois milhões e ganha “novo fôlego”.

A startup Ominflow fechou uma ronda de financiamento de dois milhões de euros com o Fundo HCapital New Ideas. Capital será impulso para internacionalização da empresa e servirá para reforçar equipa.

Omniflow acaba de levantar dois milhões de euros.

A startup portuguesa Omniflow fechou uma ronda de financiamento de dois milhões de euros com o também lusitano Fundo HCapital New Ideas. Este capital permitirá à empresa, que opera no setor das energias inteligentes, reforçar a sua estratégia de internacionalização e apostar no crescimento da sua equipa de gestão nas áreas de desenvolvimento de software, comercial e Internet das Coisas (IoT).

“Esta nova ronda vem permitir-nos ter o suporte financeiro adicional para que possamos ser um pouco mais rápidos na implementação da nossa estratégia global onde já contamos com aproximadamente 1.000 equipamentos instalados em mais de 20 países“, sublinha o CEO da startup, citado em comunicado. Pedro Ruão frisa ainda que este investimento vem dar um “novo fôlego” à Omniflow.

Fundada em 2011, no Porto, esta empresa desenvolve e fabrica uma plataforma inteligente, que proporciona a gestão eficiente de energia (solar e eólica) armazenada em baterias e destinada a fins comerciais, telecomunicações, sistemas de wi-fi e iluminação urbana. A Omniflow tem uma forte presença no mercado norte-americano e, recentemente, tem conquistado mais espaço nos mercados asiático e africano.

“Acreditamos que este financiamento, conjugado com o papel ativo dos parceiros do ecossistema do Fundo New Ideas, irá contribuir para a aceleração da expansão internacional da Omniflow e a consolidação da sua posição como empresa de soluções de IoT para cidades sustentáveis e inteligentes“, salienta, por sua vez, o administrador do fundo de capital de risco HCapital New Ideas, que se foca nas aréas da energia, mobilidade e territórios inteligentes.

De notar também que a Omniflow, que integra o portefólio da Portugal Ventures, registou, no último ano, um crescimento de 300% do volume de vendas face a 2017, tendo sido considerada uma das startups europeias mais promissoras pela plataforma de tecnologia Red Herring.

Comentários ({{ total }})

Portuguesa Omniflow levanta dois milhões e ganha “novo fôlego”.

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião