Trump revela “enormes progressos” nas negociações com Pequim

  • Lusa
  • 31 Janeiro 2019

Os negociadores norte-americanos vão deslocar-se à China “no início de fevereiro”.

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou que foram feitos “enormes progressos” nas negociações comerciais entre os Estados Unidos e a China para chegar a um acordo que ponha termo à guerra comercial em curso.

Numa carta lida na Sala Oval da Casa Branca por um membro da delegação chinesa, o Presidente chinês, Xi Jinping considera que as relações comerciais entre os Estados Unidos e a China estão numa etapa “fundamental”.

“Espero que as duas partes continuem a trabalhar com respeito mútuo” e “espero que mantenhamos um contacto estreito de diferentes maneiras”, acrescentou.

Por seu lado, Donald Trump, que classificou esta carta como “magnífica”, sublinhou que as duas partes, reunidas desde quarta-feira em Washington, avançaram nas suas discussões.

Em seguida, virando-se para o chefe da equipa negocial norte-americana, Robert Lighthizer, anunciou que os negociadores norte-americanos se deslocarão à China “no início de fevereiro”.

O chefe de Estado indicou ainda que não foi abordado um eventual prolongamento da trégua na guerra comercial, cujo prazo termina a 01 de março, precisando também que o encontro com Xi Jinping “ainda não foi organizado”.

Já esta quinta-feira, Trump tinha escrito na rede social Twitter que iria reunir-se com o dirigente chinês “num futuro próximo” para resolver “alguns dos pontos mais difíceis” em discussão.

Comentários ({{ total }})

Trump revela “enormes progressos” nas negociações com Pequim

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião