Avaliação das casas atinge novo máximo de 1.226 euros. Sobe há 22 meses

O valor médio da avaliação bancária arrancou o ano a bater um novo máximo: fixou-se em 1.226 euros por metro quadrado. Algarve e Lisboa são as duas regiões mais caras do país.

O valor do metro quadrado em Portugal sobe há 22 meses consecutivos. Algarve e Lisboa são as regiões mais caras do país.Hugo Amaral/ECO

O valor da avaliação bancária às casas para a concessão de crédito à habitação começou o ano de 2019 a renovar máximos. O valor médio por metro quadrado em janeiro fixou-se em 1.226 euros, um aumento de 0,5% face a dezembro e de 6,3% em termos homólogos, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE). A avaliação dos imóveis está a subir há 22 meses.

No conjunto das avaliações, a “maior subida” do valor dos imóveis em janeiro registou-se na região do Alentejo. A descida “mais acentuada” observou-se na Região Autónoma da Madeira, revelou o INE num comunicado publicado esta quarta-feira. Algarve e Lisboa são as duas regiões mais caras do país.

No caso dos apartamentos, o valor médio por metro quadrado foi atualizado para 1.288 euros, com a maior subida a registar-se na região do Algarve, onde o preço por metro quadrado atingiu 1.597 euros, 30% acima da média nacional.

Avaliação bancária das casas fixa novo máximo

Fonte: INE

Quanto às moradias, a avaliação média por metro quadrado foi de 1.125 euros. O destaque também vai para a região do Algarve, onde a avaliação média é de 1.600 euros e supera a da Área Metropolitana de Lisboa, onde o preço por metro quadrado nas moradias é de 1.547 euros.

Estes dados representam o valor médio do metro quadrado resultante das avaliações que a banca faz aos imóveis antes da contratação de um crédito à habitação pelo potencial comprador. As subidas refletem o crescimento dos preços do imobiliário em Portugal, numa altura em que a concessão de crédito para a compra de casa renovou máximos de 2010 no ano passado, ao atingir 9.835 milhões de euros. Mesmo com o travão do Banco de Portugal.

(Notícia atualizada pela última vez às 11h26)

Comentários ({{ total }})

Avaliação das casas atinge novo máximo de 1.226 euros. Sobe há 22 meses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião