5 coisas que vão marcar o dia

Governo volta a reunir com os professores, num dia que fica marcado pela descida do preço dos combustíveis. Em Genebra, será revelado o Carro do Ano 2019.

O Governo vai voltar a reunir com os professores para tentar chegar a um acordo sobre a contagem do tempo de serviço. O Ministério da Educação e os sindicatos dos docentes têm protagonizado um braço de ferro em torno deste dossiê, havendo acusações de “intransigência” de parte a parte. Conheça este e outros temas que vão marcar o dia.

Governo reúne com professores

O Ministério da Educação e os sindicatos que representam os professores vão reunir-se novamente, numa tentativa de se chegar a um acordo sobre quanto do tempo de serviço que foi congelado é que vai ser contabilizado para efeitos de progressão. A negociação surge numa altura em que ambas as partes se acusam mutuamente de intransigência. Os docentes, que têm uma manifestação marcada para 23 de março, reclamam a contagem integral dos nove anos, quatro meses e dois dias, enquanto o Governo insiste em contar apenas dois anos, nove meses e 18 dias.

Combustíveis ficam mais baratos

Os preços dos combustíveis interrompem oito semanas consecutivas de subidas e vão ficar mais baratos a partir desta segunda-feira. Estima-se que o valor do litro de gasolina caia 1,5 cêntimos por litro, enquanto o litro do gasóleo deverá recuar 0,5 cêntimos. Após a atualização, que varia em cada gasolineira, o preço médio da gasolina deverá rondar 1,437 euros por litro, enquanto o preço médio do gasóleo deverá fixar-se em cerca de 1,381 euros.

Ivan Rogers fala sobre o Brexit

O ex-embaixador permanente do Reino Unido na União Europeia, Ivan Rogers, vai dar uma palestra sobre o Brexit. Neste discurso, que terá lugar em Londres por volta da hora de almoço, o britânico irá explicar a sua visão sobre como é que o o país se deveria estar a preparar para a relação após o divórcio. Ivan Rogers, que esteve no cargo entre 2013 e 2017, e acompanhou de perto as negociações, tem sido crítico da forma como o processo está a ser gerido pelo Reino Unido.

Qual é o novo Carro do Ano?

Vai ser hoje conhecido o modelo vencedor da edição europeia do prémio Carro do Ano 2019, uma distinção atribuída anualmente no Salão Automóvel de Genebra, na Suíça. A concurso estão sete automóveis finalistas: Alpine A110, Citröen C5 Aircross, Ford Focus, Jaguar I-Pace, Kia Ceed, Mercedes Classe A e Peugeot 508. O júri é composto por jornalistas de alguns dos principais órgãos de comunicação especializados. O último vencedor foi o Volvo XC40, considerado Carro do Ano 2018.

Gigante da cloud apresenta resultados

A Salesforce apresenta hoje os resultados do ano fiscal terminado em janeiro. A estimativa aponta para lucros de mais de 750 milhões de dólares. A confirmar-se, é mais uma prova de que o negócio da computação “na nuvem” ainda tem margem para crescer, numa altura em que o negócio ganha cada vez mais peso no seio de gigantes como a Amazon, a Google e a Microsoft. A empresa fechou o terceiro trimestre com receitas de 3,39 mil milhões de dólares, um crescimento de 26% em termos homólogos, altura em que reviu em alta o guidance para esta temporada.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

5 coisas que vão marcar o dia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião