Foi o maior problema técnico da história do Facebook, Instagram e WhatsApp. Grupo afasta tese de ataque

Os principais serviços do grupo Facebook enfrentaram sérios problemas durante o final da tarde desta quarta-feira e o início da manhã de quinta. Empresa já afastou a hipótese de ataque informático.

As aplicações e serviços do grupo Facebook sofreram esta quarta-feira a pior falha técnica da história da empresa. A maior rede social do mundo enfrentou problemas a nível mundial, com os utilizadores a queixarem-se de problemas de utilização e acesso também no Instagram e no WhatsApp. O problema afetou os utilizadores em todo o mundo, incluindo em Portugal, tal como noticiou o ECO.

Depois de terem surgido as primeiras reclamações, o Facebook teve de recorrer ao Twitter para confirmar a existência de problemas. Por volta das 17h49, a empresa disse estar “a par” do assunto. “Estamos a par de que algumas pessoas estão atualmente a ter problemas ao acederem às aplicações da família do Facebook. Estamos a trabalhar para resolver a falha o mais depressa possível”, lê-se na publicação.

Surgiram rumores de que a empresa poderia estar a ser alvo de um ataque informático. No entanto, no Twitter, o Facebook afastou por completo essa ideia: “Estamos focados em trabalhar para resolver o problema com a maior brevidade possível, mas podemos confirmar que não está relacionado com um ataque DDoS”, um tipo de ataque em que os responsáveis entopem um servidor com um enorme volume de falsos pedidos de acesso, escreveu a empresa, numa segunda publicação.

Os problemas terão sido resolvidos durante a madrugada. Às 4h41 desta quinta-feira, a conta oficial do Instagram no Twitter confirmou que o regresso do serviço ao ativo. “E… estamos de volta”, escreveu a empresa, numa mensagem acompanhada por uma imagem do tipo GIF.

Até ao momento, o grupo continua sem apresentar qualquer esclarecimento acerca da origem do problema. De acordo com a BBC, no Facebook, muitos utilizadores não foram capazes de publicar mensagens no decurso do problema. A versão do Messenger para computador ficou inacessível. Os utilizadores também perderam o acesso ao Instagram, enquanto a aplicação de mensagens WhatsApp, usada por milhares de milhões de pessoas em todo o mundo, não permitia o envio de imagens.

A falha acontece numa altura em que o grupo Facebook se prepara para mudar a estratégia. Vai reforçar a aposta nas comunicações privadas e encriptadas. A empresa anunciou a chegada da encriptação aos serviços que ainda não a têm e a integração do Messenger, do Instagram Direct e do WhatsApp num único chat, uma novidade que se encontra em desenvolvimento e que, para chegar ao terreno, implica alterações críticas na infraestrutura dos três serviços, segundo têm alterado os meios internacionais especializados.

Comentários ({{ total }})

Foi o maior problema técnico da história do Facebook, Instagram e WhatsApp. Grupo afasta tese de ataque

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião