Carlos Moedas fala sobre a Europa na Abreu Advogados

O evento terá lugar ao final da tarde, no dia 23 de Abril, no auditório da sede da Abreu Advogados, em Lisboa. Caberá ao Managing Partner da Abreu Advogados, Duarte Athayde, a abertura da sessão.

A Câmara do Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa e a Abreu Advogados trazem a Lisboa o comissário europeu Carlos Moedas, para uma conversa sobre a sua experiência em Bruxelas.

O evento terá lugar ao final da tarde, no próximo dia 23 de Abril, no auditório da sede da Abreu Advogados, em Lisboa. Caberá ao Managing Partner da Abreu Advogados, Duarte Athayde, a abertura da sessão, logo seguida pela introdução à conversa pela presidente da Câmara de Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa, Maria Eduarda Godinho.

Com responsabilidade nas áreas da Investigação, da Ciência e da Inovação, o comissário europeu Carlos Moedas completa este ano cinco anos na Comissão Europeia, tendo antes sido Secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro de Portugal.

Para Maria Eduarda Godinho, Presidente da Câmara de Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa, “a conferência tem como mote ‘Conversas com Carlos Moedas’ e foi pensada para acontecer num formato de grande proximidade entre o convidado e a plateia, para que todos se sintam como se estivessem verdadeiramente a conversar com o Comissário Europeu.”

No palco com o Comissário estará António Costa, publisher do ECO e diretor da Advocatus a quem caberá a condução da conversa.

Para Bernardo Alegria, sócio da Abreu Advogados, “quando iniciámos a preparação deste evento tomámos como missão assegurar que, apesar de se tratar de uma conversa com mais de 100 pessoas a assistir, cada um dos participantes deve sentir-se verdadeiramente próximo do comissário Carlos Moedas. O auditório da Abreu Advogados permite e favorece esta ambiência, somando ainda o facto de estarmos em Alfama, coração de Lisboa, à conversa com um dos mais destacados portugueses na Comissão Europeia”.

A Câmara de Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa (CCLBL) é uma associação sem fins lucrativos que tem como missão promover as relações económicas e culturais entre Portugal, a Bélgica e o Luxemburgo.

A CCLBL é constituída por membros individuais e coletivos dos três países e tem como principal objetivo constituir-se como um agente facilitador e plataforma agregadora de serviços para a promoção de oportunidades de negócio e incremento dos fluxos comerciais e culturais entre empresas portuguesas, belgas e luxemburguesas, através de ações comerciais, de ações de comunicação e visibilidade e da organização de eventos e networking.

Comentários ({{ total }})

Carlos Moedas fala sobre a Europa na Abreu Advogados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião